Muitas são as dúvidas sobre gastrite, doença que inflama o revestimento do estômago e atrapalha a vida de muita gente com seus típicos sintomas de dores e até náusea e vômitos – seja temporariamente ou durante anos. Aproveite esse momento para descobrir o que é mito e o que é verdade sobre esse assunto e esclareça todas as suas dúvidas:

1. “Gastrite pode virar câncer”

Verdade para alguns tipos de gastrite. Algumas formas de gastrite podem evoluir para câncer gástrico. A gastrite associada à bactéria Helicobacter pylori pode se tornar uma gastrite atrófica que apresenta um risco aumentado de neoplasia gástrica. Já a gastropatia micronodular associada à Helicobacter pylori pode eventualmente evoluir para linfoma do estômago.

2. “Chiclete piora a gastrite”

Verdade. O ato de mastigar estimula a produção estomacal de ácido clorídrico, o que seria útil na digestão dos alimentos, mas torna-se um problema quando não ingerimos nada. O aumento da quantidade de suco gástrico em um estômago vazio pode resultar na agressão da mucosa do estômago e ter como resultado uma gastrite.

3. “Leite resolve a dor causada pela gastrite”

Mito. Por mais que o leite possa aliviá-la temporariamente, o grande problema é que, após algum tempo, ele aumenta a acidez gástrica (o estômago produz suco gástrico para digerir o leite rico em proteínas) e isso piora ainda mais a dor. Essa é a razão pela qual não se recomenda o uso de leite no tratamento da gastrite.

Verdade. O estômago apresenta uma secreção basal de enzimas digestivas e ácido clorídrico. É importante alimentar-se em intervalos regulares para evitar que esse suco gástrico ataque a mucosa do estômago e piore a gastrite. Aproveite para conferir 5 coisas que você não deve ingerir de estômago vazio.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.