O Rio de Janeiro permanece em estágio de crise desde a noite de segunda-feira (8), portanto, há mais de 30 horas, por causa de chuvas. A previsão para hoje é de chuvas fracas a moderadas com possibilidade de pancadas fortes em alguns momentos.

As chuvas, que foram as mais fortes dos últimos 22 anos, segundo o site Climatempo, já mataram dez pessoas.

Na madrugada de hoje, os bairros mais atingidos foram Ilha do Governador, com 69,2 milímetros de chuvas, e Tijuca, com 44,8 mm.

Choveu forte na Tijuca e no Jardim Botânico. Ainda há várias ruas alagadas e bolsões d’água. Quedas de árvores também foram registradas, o que dificulta o trânsito em vários pontos.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.