Favorável à proposta de reforma da Previdência pelo Governo Bolsonaro, o deputado federal, Dr. Leonardo Albuquerque (SDD), defende a modificação do fim das aposentadorias especiais concedidas a quem trabalha em locais que ofereçam risco à saúde, morte ou acidentes. Para ele, é preciso considerar as condições precárias, situações e ambientes degradantes aos quais estão expostos esses trabalhadores.

“Essas pessoas vão ficar severamente doentes ou morrer antes da aposentadoria. Não posso aceitar isso e por isso fiz o requerimento, já aprovado, para discutirmos esse ponto no texto da Reforma da Previdência em audiência pública. Não podemos sangrar o trabalhador para consertar os erros do passado”, concluiu.

Para o deputado, o texto apresentado pelo Governo trata o trabalhador com crueldade. “Ficou quase impossível para o trabalhador rural comprovar o tempo de trabalho, isso vai empurrar ele ao BPC, que por sua vez só vai pagar um salário mínimo quando o idoso tiver 70 anos. Como um trabalhador rural vai ter saúde para o trabalho no campo até essa idade?”, questionou.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.