Em homenagem ao tenista mais antigo e em atividade da cidade de Primavera do Leste, a 4ª etapa do Circuito Estadual de Tênis de Mato Grosso, organizada pela Federação Mato-grossense de Tênis (FMTT) em parceria com academias e clubes, será chamada de torneio Copa Dorceu Dreon de Tênis 2019, que será realizada de 15 a 19 de maio, na academia Ace Tênis. E o período dos tenistas efetuarem inscrições está aberto até 13 de maio, nos valores individuais de R$ 100,00 (para 1ª inscrição) e R$ 70,00 (para 2ª inscrição), via site ou telefone.

“Nasci, cresci e me criei em Arvorezinha-RS e aos vinte anos mudei para Caibi-SC. Trabalhei por vários anos na lavoura e depois no comércio. Foi em 1994 que mudei com minha família para Primavera do Leste e permaneço até hoje. Aqui construímos nossa empresa, fizemos amizades maravilhosas e foi onde comecei a jogar tênis. Fiquei muito feliz e agradecido com a homenagem e espero servir de exemplo incentivando os jovens”, disse o tenista, Dorceu Damo Dreon, que nasceu em três de março de 1949 (70 anos).

O Circuito Estadual de Tênis proporcionará o total de 16 etapas em 2019 e elas serão realizadas em sete cidades-sede de Mato Grosso (Cuiabá, Sinop, Sorriso, Primavera do Leste, Alto Araguaia, Lucas do Rio Verde e Rondonópolis). E dois tenistas de Primavera lideram o ranking estadual em uma das categorias da competição, na 1ª Classe +34 (para tenistas acima de 34 anos), Pedro Nunes e Luiz Luna estão em primeiro e segundo lugares, respectivamente. Essa disputa entre os atletas locais será uma das mais aguardadas pelo público.

“Nosso município começou a praticar tênis a cerca de 19 anos atrás e um dos pioneiros é o senhor, Dorceu Dreon. Além dele ser um dos tenistas mais antigos na prática da modalidade em Primavera do Leste, também é o tenista mais velho em idade e que continua em atividade no município. Por conta disso, decidimos homenageá-lo em vida e nomeamos o torneio com o nome dele, Copa Dorceu Dreon de Tênis 2019. Ele é uma inspiração para nós tenistas”, explicou o atleta e administrador do torneio e da academia Ace Tênis, Pedro Nunes, de 42 anos.

Além de tudo isso, o torneio terá o tradicional costelão (churrasco) e o município proporciona belíssimos passeios por pontos turísticos (cachoeiras e lagos) e por estabelecimentos de entretenimento (como bares). E, segundo o administrador do torneio, Pedro Nunes, vale a pena conferir a Cachoeira do Lucas, a Lagoa da Lua e a Lagoa Encantada, o Bar do Luiz, o restaurante Manga Verde e repousar no Tezla Hotel, que é patrocinador do torneio. E outros patrocinadores são a Prefeitura da cidade, a Nova Província Corretora de Seguros e O Telhar Agro.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.