A Polícia Militar foi acionada depois que a esposa e o marido dela que é caminhoneiro se sentiram ameaçados por travestis no estacionamento de uma empresa na noite desta segunda-feira (13), em Rondonópolis. Segundo a mulher, ela teria ido até o local encontrar o marido, mas quando entrou no veículo, o casal foi surpreendido por três travestis bastante agressivas.

A solicitante disse ainda que foi até o local em uma motocicleta, mais que por medo, acabou deixando o veículo e fugindo com o marido na própria carreta.

Ao retornar no pátio da empresa acompanhado de uma viatura da Polícia Militar, o casal encontrou a motocicleta bastante danificada, com retrovisores arrancados e placa amassada.

Os policias acompanharam as vítimas até o ponto usado pelas travestis para a realização de programas. Cinco delas estavam no local, sendo que três foram reconhecidas pelo casal como as autoras das ameaças.

Diante dos fatos, todos foram conduzidos a 1ª Delegacia de Polícia.  Em depoimento, elas disseram que viram dois homens dentro do caminhão, indignadas por ser ponto de travestis, resolveram conversar com o motorista.

Ainda de acordo com as informações, o condutor do veículo não aceitou conversar e saiu do local em alta velocidade. Elas negaram que tenham danificado a motocicleta que ficou no local e que seria da esposa do caminhoneiro

A ocorrência foi registrada como crime contra patrimônio com dano consumado.

As informações constam no Boletim de Ocorrência de Nº2019.144181

 

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.