Imagem: Vacinação em Bovino
Vacinação em Bovino – Foto/Reprodução

O Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea) comunicou que todas as propriedades em uma distância de 12 Km terão que vacinar seus animais, devido um caso de raiva bovina que foi diagnosticado na região de Sorriso.

Um veterinário foi solicitado para atender uma vaca que estava prenha, porém o profissional percebeu que o animal apresentava os sintomas da raiva, foi coletado saliva para fazer exame e constatado a veracidade dos fatos, sendo assim o profissional orientou que a vaca fosse sacrificada e em seguida o veterinário comunicou o Indea, que fez a notificação de todas as propriedades ao redor.

A doença é transmitida pela picada de morcegos que são portadores e transmissores do vírus, por meio da saliva infectada que pela mordedura ou lambida em alguma ferida aparente do animal, transmite a raiva. O vírus não tem tratamento. Por isso, a alternativa é a vacinação.

Após a contaminação, o animal tem até três meses de vida, período em que se desenvolvem sintomas como isolamento, agressividade, salivação e dificuldade ao andar. O ser humano também pode ser infectado.

 

 

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.