06 de fevereiro de 2021
Mais
    Capa Destaques Servidora pública morre em hospital após ser baleada por bandido
    POLÍCIA

    Servidora pública morre em hospital após ser baleada por bandido

    O tiro atingiu o rosto da vítima que foi abordada quando chegava de carro em casa

    Imagem: 47351331 10211977389012567 3392240693085732864 n
    Sandra Siqueira Travaína, – Foto: redes sociais

    A assistente social Sandra Siqueira Travaína, 47 anos, morreu após ser baleada durante uma tentativa de assalto, no bairro Nova Várzea Grande, em Várzea Grande (MT). O crime aconteceu na noite dessa segunda-feira (1). Conforme informações, o tiro atingiu o rosto da vítima que foi abordada quando chegava de carro em casa.

    Sandra era servidora pública lotada na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e estava com a filha, de 16 anos, e a irmã dela dentro do carro no momento do crime.

    Ao ser abordada pelos suspeitos, Sandra teria buzinado para alertar o marido, que estava dentro da casa, momento em que um dos assaltantes se assustou e acabou disparando o tiro.

    A bala atravessou o vidro do carro e atingiu o rosto da servidora, que mesmo socorrida pela família, não resistiu e morreu horas depois na unidade de saúde.

    Os suspeitos fugiram e não foram localizados.

    A Polícia Militar (PM) foi acionada e o crime está sendo investigado pela Polícia Civil, que irá analisar imagens do circuito interno de segurança da casa.

    Sandra  foi candidata a vereadora pelo Partido Humanista da Solidariedade (PHS) nas eleições municipais de 2016. O velório está previsto no Cemitério Recanto da Paz, em Várzea Grande.

     

     

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS