Um terremoto de 2,4 na escala Richter foi registrado em Mato Grosso na última quinta-feira (04) em Porto dos Gaúchos conforme informações do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (Obsis/UnB). O abalo, que não gerou danos materiais, foi registrado às 21:06:47.

Apesar de ter sido considerado de forte impacto, o tremor não trouxe danos à pequena população Se tivesse acontecido no centro de uma cidade como Cuiabá, por exemplo, o abalo poderia derrubar casas e prédios, entre outras consequências.

O professor do Observatório Sismológico do Instituto de Geociências da Universidade de Brasília (Unb) e coordenador da Rede Sismográfica Centro-Norte que integra a Rede Sismográfica Brasileira, Marcelo Peres Rocha, explicou que os tremores são explicados por uma falha geológica na região.

Em novembro do ano passado o município registrou outros dois tremores de terra. A região é conhecida pelos pesquisadores por ter registrado o maior tremor do Brasil no dia 31 de janeiro de 1950, quando um abalo de magnitude de 6.9 graus na escala Richter foi registrado na Serra do Tombador, a 100 km de Porto dos Gaúchos.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.