O município de Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá – MT, está enfrentando racionamento no abastecimento de água potável. A situação é mais crítica na região do bairro Cristo Rei, onde além da deficiência de captação uma das bombas estragou, limitando ainda mais o fornecimento.

A bomba teria estragado, segundo a Prefeitura, na semana passada, mas a situação não foi regularizada. O Jardim Paula II só recebe água duas vezes por semana e moradores reclamam que a força é insuficiente para subir nas caixas d’ água.

Maria Conceição Oliveira conversou com a equipe do AGORA MATO GROSSO e disse que teve que fazer adaptações na casa para amenizar o problema. “Coloquei uma caixa d’ água no chão, pra receber da rua e com uma bomba eu jogo para a caixa suspensa”, destacou a dona de casa reforçando que mesmo assim tem economizado ao máximo diminuindo as vezes que lava roupa, limpa casa e até às louças.

“Estamos usando produtos descartáveis, pratos e copos”, enfatizou. A Prefeitura Municipal de Várzea Grande tem usado caminhões pipas para manter o abastecimento em escolas, creches e postos de saúde, mas não há previsão para regularizar o abastecimento e culpa a estiagem que atinge a região.

Um projeto para ampliar a rede de captação de água potável foi elaborado, porém a Prefeitura ainda busca por recursos para executar.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.