29 de outubro de 2020
Mais
    Capa Destaques Servidores cobram salários em dia e RGA, mas governador cita falta de...
    DURANTE REUNIÃO

    Servidores cobram salários em dia e RGA, mas governador cita falta de recursos

    Durante a reunião, os sindicalistas fizeram cobranças e questionamentos ao governador que ouviu todas e expôs as dificuldades financeiras do Estado

    Imagem: Mauro Mendes recebe sindicalistas
    Governador de MT expõe situação fiscal e financeira do Estado a sindicalistas – Fotos: divulgação

    Representantes de várias categorias do funcionalismo público de Mato Grosso que integram o Fórum Sindical participaram de uma reunião com o governador Mauro Mendes (DEM) na noite desta quinta-feira (15) e fizeram uma série de questionamentos, cobranças e apresentaram um documento com as principais pautas dos servidores, dentre elas os salários numa única data e pagamento em dia da gratificação natalina e da Revisão Geral Anual (RGA).

    Do outro lado, o governador expôs a real situação financeira do Estado mostrando as dificuldades de fluxo de caixa e informações financeiras projetadas até setembro encaminhadas pela Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz). O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, também participou da reunião.

    Mendes se comprometeu a analisar as reivindicações que incluem também pedidos para cumprimento de leis de carreira e de aumento salarial que estão em vigor. Mas desde que consiga receber do Governo Federal os recurso do Fundo de Apoio às Exportações (FEX) na ordem de R$ 500 milhões que não estão sendo repassados desde 2018.

    Imagem: Governador e sindicalistas
    Governador Mauro Mendes e sindicalistas durante reunião

    O gestor destacou ainda para 2020 a expectativa é de conseguir pelo menos mais R$ 500 milhões de incrementos de receita como resultado da minirreforma fiscal aprovada no mês passado pela Assembleia Legislativa.

    Mauro Mendes fez questão de mostrar aos sindicalistas as mensagens e ofícios do secretário de Fazenda, Rogério Gallo, diretamente de seu celular ressaltando a situação mais preocupante é a falta de recursos para quitar a parcela do empréstimo como Bak Of América que vence em setembro no valor de R$ 140 milhões. Em suas redes sociais, o governador também divulgou um vídeo falando da reunião e destacando que espera o apoio e parceria de todos os servidores públicos do Estado para “recuperar, reconstruir botar ordem na casa”.

    Imagem: Mauro Mendes e Mauro Carvalho
    Governador firmou compromisso de analisar as reivindicações apresentadas pelos servidores

    “Falamos sobre essa proposta que apresentamos à Educação, sobre a arrecadação do Governo, na perspectiva do pagamento do 13º no mês de dezembro, que é algo importante para eles e para nós do Governo também. Estaremos trabalhando muito e juntos para garantir que em dezembro tenhamos essa quitação”, pontou o governador.

    Na reunião, o governador reafirmou os discursos que vem fazendo em público, de que qualquer incremento ou saldo fiscal no próximo ano com adequação do índice de gasto com pessoal abaixo dos 49%, serão destinados ao pagamentos da RGA 2018 de 2019 e leis de carreira dos servidores da Educação, do Meio Ambiente (Sema) e da Sefaz (Grupo TAF), que já foram aprovadas em gestões anteriores, mas não estão sendo cumpridas por falta de dinheiro no caixa do Estado. Assista ao vídeo logo abaixo:

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS