Barcelona e PSG fizeram novas reuniões para tentar chegar a um acordo por Neymar. Segundo o jornal catalão ‘Mundo Deportivo’, porém, o Barça recusou as exigências feitos pelo clube parisiense e a chegada do craque brasileiro de volta ao clube teria ficado “praticamente descartada”.

Divergências

Ainda de acordo com a publicação, o Barcelona aponta que a contraproposta feita pelo PSG é “exigente demais e impossível de assumir”. A divergência tem relação com a parte econômica. A reunião entre os clubes foi realizada, em Monaco, nesta quinta-feira.

Obstáculos

A imprensa espanhola aponta que o PSG não cedeu e segue pedindo um valor em torno de 220 milhões de euros (R$ 1 bilhão) e as opções de escolher entre Rakitic, Dembélé e o zagueiro Todibo. A reunião contou com a presença do presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu. O maior obstáculo da negociação seria convencer o atacante Ousmane Dembélé a ir para o PSG. O jogador quer continuar no Barcelona.

Pressão interna

O jornal francês ‘Le Parisien’ também ressalta as complicações da negociação. De acordo com a publicação francesa, o PSG não está disposto em abaixar a pedida, tendo em vista que estão sendo pressionados pelos xeques cataris que são donos da equipe.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.