Imagem: deputada Rosa Neide
Deputada Rosa Neide exige quer pedido de perdão de Bolsonaro a liderança indígena – Foto: reprodução

Em discurso na Câmara dos Deputados em Brasília, nesta quarta-feira (25), a deputada federal Rosa Neide Sandes (PT) exigiu do presidente Jair Bolsonaro (PSL) que peça perdão ao cacique Raoni Metuktire, liderança da etnia Caiapó de Mato Grosso conhecido mundialmente por seu ativismo em prol de causas ambientais e indígenas.

Bolsonaro, ao discursar abertura da Assembleia Geral da ONU em Nova York, fez acusações contra o indígena, que segundo o presidente, estaria atuado como “peça de manobra” do interesse de governos estrangeiros na Amazônia. Rosa Neide afirmou que o discurso de Bolsonaro causou vergonha ao Brasil.

“Vocês são líderes nacionais. Vocês nos representam. Nós precisamos de um pedido público de perdão a vocês pelo que esse irresponsável do presidente da República fez em nível mundial, destratando figuras respeitadas no mundo inteiro. Então, minha solidariedade, meu respeito e como filha de Mato Grosso estou ao lado de vocês pra lutar, pra fazer o que for necessário pro nosso país e pra nossa terra resguardar os direitos de vocês”, discursou a petista ao lado do cacique Raoni.

Cacique Raoni representa povos e etnias que se estabeleceram em nosso território antes mesmo de nos tornarmos Brasil. Por isso, cabe a ele, enquanto liderança, tornar público os males que estão sofrendo neste momento. Devemos a ele todo nosso respeito.Confira a minha fala no vídeo! 😉#RaoniSim #PovosIndigenas #EmDefesaDaAmazônia #MatoGrosso #AfederaldeMT #ProfessoraRosaNeide

Publicado por Professora Rosa Neide em Quarta-feira, 25 de setembro de 2019

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.