Imagem: Virginia Mendes
Virgínia Mendes – Foto: divulgação/assessoria

Pelas redes sociais, a primeira-dama de Mato Grosso, Virgínia Mendes, anunciou que em breve o Estado vai retomar as cirurgias de transplante de rim. Na publicação, a esposa do governador Mauro Mendes (DEM) informa que será a madrinha na retomada dos transplantes em Mato Grosso e conta um pouco mais sobre seu engajamento na causa.

Dentre eles, está o fato de que há cinco anos, em março de 2014, ela recebeu um rim doado pelo esposo, à época prefeito de Cuiabá. O procedimento foi realizado no Hospital Israelita Albert Eistein, em São Paulo.

“Quero aqui fazer um apelo sobre a doação de órgãos. Um assunto que precisa se trabalhado com muita conscientização. Milhares de pessoas tiveram a oportunidade de renascer graças a doação de um órgão ou tecido. Eu sou uma delas! Por uma benção de Deus, meu marido foi compatível e me doou um dos seus rins. Hoje estou aqui, saudável e batalhando graças ao maior gesto de amor que alguém poderia ter por mim. E ele segue a vida dele normalmente, saudável e sabendo que uma parte dele ajudou a salvar a minha vida”, escreveu Virgínia.

Ela destaca que em Mato Grosso, existem cerca de 1,8 mil pacientes fazendo hemodiálise, do quais a metade tem indicação para o transplante renal. “Contudo, o percentual só pode ser confirmado após a avaliação da equipe de transplante autorizada. E faremos todos os acompanhamentos pré e pós cirurgias”, observa a primeira-dama.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.