Os vereadores Vilmar Pimentel (SD) e João Mototáxi (PSL) apresentaram o pedido de auditoria para apurar as contas da Santa Casa de Rondonópolis – MT em regime de urgência, na sessão da Câmara Municipal de ontem (30), mas foi negado e a votação ocorrerá na próxima quarta-feira (6). Os vereadores entenderam que a demanda não tinha a necessidade de uma votação urgente, por isso irá correr de forma normal.

De acordo com o vereador Vilmar Pimentel, a Prefeitura sempre tratou as questões da Santa Casa como um assunto de urgência, só que a atuação das gestões da entidade nunca agiu de forma transparente. “80% da verba da Santa Casa é dinheiro público, mas não divulgam os critérios de compra de medicamentos e materiais, e todo ano ocorre essa pressão sobre os políticos por falta de dinheiro”, disse.

Imagem: João mototaxi
Os vereadores João Mototáxi e Vilmar Pimentel são os autores do pedido – Foto: arquivo

Para Vilmar, a má gestão da Santa Casa não pode ser jogada todas as vezes em cima do Poder Público que sempre atendeu com agilidade para socorrer as necessidades da entidade. “A classe política não pode ser alvo de uma coisa que é culpa dos gestores da Santa Casa, por isso queremos uma auditoria das últimas 3 e se necessário 4 décadas para saber onde está indo todo esse dinheiro. Se fala em recuperar a Santa Casa, mas é preciso valorizar o dinheiro público”, indaga Pimentel.

O vereador alega que várias denúncias correm pelos bastidores de que pode haver superfaturamento nas compras realizadas no passado pela entidade. “Os critérios de compra não são claros, por isso queremos ter acesso a contratos, salários, entradas e saídas do dinheiro de forma transparente. Não podemos injetar mais verba e jogar toda a sujeira para debaixo do tapete”, alega.

Apesar dos outros parlamentares terem negado o pedido de urgência, Vilmar e João Mototáxi estão com a expectativa de aprovar o pedido de auditoria na semana que vem, com mais de 16 votos favoráveis. Uma emenda federal de R$ 20 milhões já está disponível para ser encaminhada para a Santa Casa.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.