26 de outubro de 2020
Mais
    Capa Notícias Mundo Futuro dentista faz agradecimento ao pai com síndrome de down
    AMOR DE FAMÍLIA

    Futuro dentista faz agradecimento ao pai com síndrome de down

    Jad também está satisfeito com a escolha de profissão de seu único filho

    Imagem: filho paidown
    Pai e filho – Foto: @saderissa

    Um universitário sírio está emocionando o mundo com um agradecimento público ao pai, que tem síndrome de down.

    Sader Issa fez uma verdadeira declaração de amor a Jad, que o apoiou e encorajou a seguir a carreira de dentista.

    Sader explicou que o pai tem dificuldades de aprendizado por conta da Síndrome de Down, mas que, apesar disso, a personalidade amorosa e solidária dele o fizeram ser admirado na comunidade local na Síria.

    Imagem: pai down3
    Família – Foto: @saderissa

    “Estou orgulhoso do meu pai. Ao longo da minha vida, ele foi o maior apoio para mim quando eu precisei”, disse o estudante ao Metro.

    Jad também está satisfeito com a escolha de profissão de seu único filho.

    Imagem: pai down2
    Pai, filho e mãe – Foto: @saderissa

    “É possível ver quando seus olhos estão cheios de alegria e satisfação, como se quisesse expressar: ‘sim, eu tenho a síndrome de Down, mas eu criei esse homem e fiz tudo o que estava ao meu alcance para torná-lo médico e ajudar os outros’”, revelou Sader.

    Filho único

    Muitos homens com Síndrome de Down não podem ter filhos, mas Jad conseguiu.

    E, como a mãe de Sader não possui a condição, muitas pessoas querem saber por que ela se casou com ele.

    Na maioria dos casos, a síndrome de Down não é herdada, pois é causada por uma alteração genética única no esperma ou no óvulo.

    De acordo com a Sociedade com Síndrome de Down, se um dos pais a tem, há uma chance de 35% a 50% de que a criança possa herdar.

    A maioria dos homens com essa condição não pode ter filhos, enquanto algumas mulheres podem, tornando a história de Sader e Jad ainda mais especial.

    Sader falou sobre alguns dos comentários que recebeu de pessoas sobre sua mãe e pai, que ainda estão juntos:

    “Uma das preocupações das pessoas é: ‘como uma mulher que não tem Síndrome de Down pode se casar com um homem com SD?’”, diz o futuro dentista.

    “Eles são intelectualmente adequados um para o outro – pessoas muito simples, mas amorosas e carinhosas.

    Por que não se casar?”, questionou o filho, orgulhoso dos pais.

    Amado por todos

    Jad é operário da fábrica de trigo local e se tornou um pilar importante da comunidade por causa de seu altruísmo.

    Ele é bem conhecido por sua bondade e por expressar amor e admiração, sem esperar nada em troca.

    Sader disse que está “orgulhoso” de ter um pai assim, amado por muitos.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS