Imagem: sus
Moabe – Foto: Reprodução

O suspeito de matar uma menina de 5 anos a facadas, em frente uma escola de Betim, na Grande BH, disse à PM (Polícia Militar) que atacou a garota após ter recebido um chamado de “entidades” sobrenaturais que mandavam ele matar uma criança, nesta quarta-feira (30).

O crime aconteceu enquanto a vítima ia para o colégio com o irmão de oito anos e com a babá. A cuidadora Brenda de Andrade relatou que caminhava com as crianças na rua, quando a menina caiu no chão.

— Quando eu olhei para trás, o homem estava com uma faca branca, parecendo de açougue. Então eu peguei ela, comecei a rolar no chão e a gritar socorro.

A babá lembra que conseguiu fugir, mas foi alcançada pelo homem que ainda tentava atingir a menina. Brenda diz que não conhecia o suspeito e que ele não dizia nada durante o crime.

— Ele só dava as facadas e ria.

De acordo com o major Paulo Roberto, da PM, o autor das facadas tentou fugir do local, mas foi contido por populares.

— Houve intensa troca de golpes, vindo a machucá-lo.

O suspeito foi detido e levado para uma unidade de Upa (Unidade de Pronto Atendimento) da região. Em seguida, ele será levado para a Delegacia de Homicídios de Betim, onde vai prestar depoimentos. Peritos da Polícia Civil foram enviados ao local para começar as investigações sobre o crime.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.