Mais
    Agora MT Destaques Agente que torturava mulher e enteado tem arma recolhida e obriga garoto...
    VEJA VÍDEO

    Agente que torturava mulher e enteado tem arma recolhida e obriga garoto a mentir

    FONTE
    VIA

    Imagem: e2ab24f89ecb2190591c912fa5aabaae
    Edson Batista Alves era violento e deixa a mulher de joelhos e com fome – Foto Rede Social

    O agente prisional Edson Batista Alves, 35 anos, foi encaminhado na manhã desta sexta-feira (22), ao presídio militar de Santo Antônio de Leverger (MT), após ter a prisão temporária convertida em preventiva.

    Ele espancou a companheira e o filho dela de 6 anos e, inclusive, quebrou um dos braços do garoto. Mãe e filho eram mantidos em cárcere privado, em Cuiabá, e submetidos a sessões de tortura há duas semanas.

    Edson já possui passagens por violência doméstica. Por causa disso foi removido do Serviço de Operações Especiais (SOE) da Penitenciária Central do Estado (PCE) e usava tornozeleira eletrônica.

    À reportagem do PORTAL AGORA MATO GROSSO, o delegado Sued Dias da Silva Júnior relatou que a mulher de 31 anos, que era moradora de Rondonópolis (MT), disse ter conhecido o homem pela internet. Ela veio para Cuiabá em busca de uma vida melhor após insistência do agressor. Em depoimento, a vítima explicou que quando chegou na Capital o ‘inferno’ começou.

    Morando no bairro Alvora, ela era espancada, obrigada a ficar de joelhos e sem comer por um período de 24h. Ainda segundo a mulher, ela era obrigada a tomar banho com água fervendo, era chicoteada e estuprada. Já o filho de seis anos tinha a cabeça colocada no vaso sanitário.

    Em uma sessão de espancamento o menino teve o braço quebrado. Em um vídeo divulgado nos histories do Instagram de Edson, antes de sua prisão, o garoto é induzido pelo suspeito a mentir em relação ao braço quebrado. “Oi pessoal, hoje eu estou aqui no Cuiabá, eu quebrei o braço sem querer, mas está tudo bem comigo. Estou relaxando, estou com o braço porque fui arrumar briga na porta da ‘Zona’. É isso aí, tchau”, disse o menino. Veja vídeo no final da matéria.

    O sofrimento de mãe e filho terminou na noite da última quarta-feira (20), quando a mulher conseguiu fugir e acionar um motorista de aplicativo que a levou até a Central de Flagrantes no Verdão. Entre as formas de agressões estavam banhos com água muito quente, vassouradas na cabeça, chicoteadas com fios de celular e cabeça batida contra paredes.

    A reportagem não conseguiu, até a publicação desta matéria, encontrar a defesa do suspeito. O espaço segue em aberto.

    Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) informou que o servidor teve o porte de arma suspenso, cautelarmente, em julho deste ano, por ter sido preso em maio, acusado de violência doméstica. No site do Tribunal de Justiça de Mato Grosso o processo tramita sob segredo de Justiça.

    Relacionadas

    Trabalhadores sobreviventes seguem internados em UTI de hospital particular

    Os três trabalhadores que sobreviveram à tragédia ocorrida no último sábado, no Distrito Industrial antigo, em Rondonópolis, seguem internados em uma Unidade de Terapia...

    Homem com mandado de prisão expedido pela Justiça de Alto Araguaia é preso em Rondonópolis

    Um homem com mandado de prisão expedido pela Justiça de Alto Araguaia, foi preso pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (16.05), no município de Rondonópolis. O...

    Inmet prevê frio em todo o país a partir de hoje

    Dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) apontam uma queda acentuada na temperatura de todo o país, com “queda acentuada” na Região Sul. De...

    Governo lança licitação para recuperar Rodovia do Peixe

    A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) lançou a licitação para recuperar o asfalto da MT-471, a Rodovia do Peixe em Rondonópolis....

    Projeto que proíbe contratação de condenados por crimes contra a mulher já existe desde 2020

    O projeto de Lei número 05/2022, de autoria do vereador Paulo Schuh, que “veda a contratação em cargos públicos em decorrência de empresas terceirizadas,...

    Claudinei confirma “flerte” de bolsonaristas e diz que apoio de Bolsonaro a Mendes não está 100% fechado

    O deputado estadual Claudinei Lopes (PL) disse que foi “pego de surpresa” com a indicação de seu nome feito por parte da ala bolsonarista...

    Segurança implanta projeto de remição de pena por leitura em Centro de Detenção Provisória

    A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), por meio da Administração Penitenciária (Saap-MT), lançou o Programa da Remição da Pena pela Leitura no...

    Hospital Municipal tem início de incêndio e pacientes são transferidos

    O Hospital Municipal São Benedito pegou fogo na noite deste domingo (15), em Cuiabá (MT). Os pacientes foram retirados às pressas do local. Várias viaturas...

    Combate ao tráfico | Polícia queima mais de 170 quilos de entorpecentes

    Mais de 170 quilos de entorpecentes, entre maconha e cocaína, foram incinerados pela Polícia Civil, na segunda-feira (09), no município de Comodoro (MT). O ato...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas