Imagem: tetra selecao
Seleção é tetra – Foto: Divulgação

É Tetra e é do Brasil. A Seleção Brasileira venceu o tetracampeonato mundial sub-17 ao derrotar o México, de virada, por 2 a 1, neste domingo, no Bezerrão, no Gama, Distrito Federal.

O gol decisivo foi de Lázaro, do Flamengo que também tinha sido o grande herói da final contra a França, nas semifinais, também saindo do banco de reservas.

A chegada ao título não foi fácil, mesmo com o domínio da bola.

Virada

Na volta do intervalo, o México tentou surpreender o Brasil e numa jogada despretensiosa, no entanto, a bola cruzada da esquerda por Pizzuto achou González.

Ele subiu mais que os marcadores e cabeceou para o chão, no canto direito do gol brasileiro.

Com o 1 a 0 adverso no placar, o Brasil ainda tinha mais 25 minutos para ao menos empatar.

Mas como a estratégia do México era se defender e segurar a vitória, o que se viu foi uma sequência de ataques do Brasil.

Aos 35 minutos veio o chute de Lázaro, em cima da zaga; Daniel Cabral, de fora da área, acertou o travessão. No rebote, Veron testou por cima do gol.

Ao fim da jogada, o VAR entrou em ação e a arbitragem marcou pênalti em Veron, ocorrido no início de todo o lance. Kaio Jorge empatou.

Faltavam pouco menos de 10 minutos, contando com os acréscimos, e o Brasil não desistiu.

Até que aos 47 minutos, Lázaro recebeu na área e finalizou com categoria para marcar o gol do tetracampeonato.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.