30 de outubro de 2020
Mais
    Capa Cidades Cuiabá Motorista flamenguista se empolga com vitória e morre de parada cardíaca
    AO COMEMORAR 2º GOL

    Motorista flamenguista se empolga com vitória e morre de parada cardíaca

    Imagem: torcida flamenguista e valdecir rosa
    Valdecir Rosa – torcedor flamenguista que morreu de infarto – Fotos: divulgação

    A vitória de virada, por 2 a 1, do Flamengo sobre o River Plate nos quatro minutos finais de jogo, que rendeu ao time rubro negro seu segundo título da Copa Libertadores da América, é apontada como a “culpada” pela morte de um homem de 41 anos, em Cuiabá. Trata-se de Valdecir Rosa de Farias, que era motorista de ônibus na Pantanal Transportes, empresa que opera no transporte coletivo da Capital.

    Valdecir ficou tão empolgado ao comemorar a vitória do Flamengo que sofreu uma parada cardíaca na noite deste sábado (23). Ele já tinha problemas de coração, tanto que passou por uma cirurgia cardíaca há três anos e usava um marcapasso, dispositivo de aplicação médica que regula os batimentos cardíacos.

    Imagem: Valdecir Rosa
    Valdecir Rosa de Farias, torcedor do flamengo vítima de infarto – Foto: divulgação

    “Infelizmente hoje nosso colega de trabalho, o motorista Valdecir Rosa – conhecido como “Cabecinha” foi á óbito. Que Deus traga alívio e conforto aos familiares e amigos”, publicou a empresa no Facebook, ainda na noite de sábado. Em seguida, alterou a foto do página para uma imagem toda preta, simbolizando o luto pela morte do funcionário.

    Ao término do jogo, quando Gabigol marcou o segundo gol resultando na vitória do Flamengo sobre o time argentino, o motorista passou mal e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado. Porém, os médicos socorristas constataram a morte por parada cardíaca.

    Nas redes sociais, amigos de Valdecir lamentaram sua morte. Ele deixou esposa e dois filhos, sendo que um deles é uma criança (menina) de um ano e 10 meses.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS