19 de setembro de 2020
Mais
    Capa Esportes Santos anuncia contratação do técnico português Jesualdo Ferreira
    ESPORTE

    Santos anuncia contratação do técnico português Jesualdo Ferreira

    O Santos anunciou, pelas redes sociais, nesta segunda-feira (23), a contratação do técnico português Jesualdo Ferreira.

    O treinador assinou contrato até o final de 2020. Ele será apresentado no próximo dia 6 de janeiro.
    Ferreira, de 73 anos, vem para substituir o controvertido argentino Jorge Sampaoli, que comandou a equipe em 2019 e, apesar de não ter conquistado títulos, realizou um trabalho considerado bom, sem, no entanto, ter acertado sua permanência após divergências com o presidente do clube.

    Ao longo do tempo, o português se tornou referência em seu país, que hoje exporta treinadores para o mundo inteiro.

    Considerado um técnico que busca o equilíbrio em campo, Ferreira é admirado por Carlos Queiroz, José Mourinho e Jorge Jesus, tendo inspirado a nova geração em Portugal, que incui nomes como Paulo Fonseca (Roma), Paulo Sousa (Bordeaux ), Leonardo Jardim (Monaco), André Villas-Boas (Olympique de Marselha), Marco Silva (que acabou de sair do Everton), Nuno Espírito Santo (Wolverhampton), Abel Ferreira (PAOK), Luís Castro (Shakhtar Donetsk) e Pedro Martins (Olympiacos).

    Ferreira iniciou a carreira no profissional quando assumiu o Rio Maior, em 1981. Até então, adepto do 4-3-3, ele havia trabalhado em seleções de base e como auxiliar no Benfica.
    Desde então, acumulou títulos, principalmente em sua passagem pelo Porto, entre 2006 e 2010, quando conquistou o tri no Campeonato Português (2006–07, 2007–08 e 2008-09).

    Além do Porto, ele já treinou o Benfica (de 2001 a 2003) e o Braga, em duas ocasiões (2003 a 2006 e 2013). Também treinou o Sporting, em 2013.

    Fora de Portugal, Ferreira dirigiu o Málaga, da Espanha, em 2010, ano em que começou a comandar o grego Panatinaikos, onde ficou até 2012. Em 2015, assumiu o egípcio Zamalek e, no mesmo ano, se transferiu para o Al-Saad, do Qatar, que comandou até este ano.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS