19 de setembro de 2020
Mais
    Capa Destaques Suspeito agride companheira para forçar relação sexual após cirurgia
    SEM SEXO POR 30 DIAS

    Suspeito agride companheira para forçar relação sexual após cirurgia

    Imagem: SEXO
    Recomendação médica de 30 dias sem sexo foi ignorada pelo suspeito que partiu para agressão – Foto: divulgação

    Homem de 37 anos foi preso no município de Sorriso (MT) após surrar a companheira, de 29 anos, que se recusou manter relação sexual com ele na noite deste domingo (22).  A vítima afirmou à Polícia Civil que se recupera de uma cirurgia e por recomendação médica deve ficar sem fazer sexo por 30 dias.

    Consta no boletim de ocorrência, que a mulher procurou a delegacia da Polícia Civil para fazer a denúncia logo nas primeiras horas do dia. Ela relatou que estava com seus companheiro nos fundos de sua casa, no bairro Alphaville e os dois namoravam.

    Em determinado momento o homem quis ter relação sexual com a vítima, mas ela se recusou, explicando que havia passado por uma cirurgia no útero e não poderia fazer sexo pelo período de um mês.

    De acordo com a vítima, o homem ficou alterado e desferiu um tapa no rosto dela. A mulher jogou uma panela no suspeito e correu para um quarto. Lá ela foi espancada com socos na cabeça e barriga. O agressor ainda a pegou pelo pescoço, jogou na piscina e segurou seu embaixo d’água por duas vezes.

    Após gritar por socorro, vizinhos ouviram e chamaram a PM. A guarnição chegou e flagrou a mulher com as roupas e cabelo molhados e também com hematomas pelo corpo, em decorrência da agressão.

    A vítima solicitou medidas protetivas para que o acusado não se aproxime dela. O homem  foi conduzido à delegacia e foi mantido preso pelo delegado plantonista. Ele deve passar por audiência de custódia nesta segunda-feira (23).

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS