Imagem: raposa cruzeiro
Raposa – Foto: Foto: Polícia Militar / Divulgação

Um homem de 30 anos foi pego pela Polícia Militar de Meio Ambiente criando três filhotes de raposa em casa, em Mamonas-MG. Perguntado sobre a razão para abrigar os animais, ele disse que é cruzeirense fanático, e que acreditava que, criando os bichos, conseguiria dar sorte ao Cruzeiro.

O suspeito, que não teve o nome divulgado, criava as raposas em um poleiro (espécie de casinha para aves). A raposa é o mascote oficial do Cruzeiro.

Apesar da ação supersticiosa inusitada, ele foi multado em R$ 4,8 mil (R$ 1,6 mil por cada filhote). Ele ainda responderá criminalmente por manter animais silvestres em cativeiro sem autorização.

Já os filhotes devem ser levados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres em Montes Claros (MG) para passarem por uma avaliação de especialistas. Eles não apresentavam ferimentos.

Tá difícil

O Cruzeiro, time do coração do homem que estava criando as raposas, está cada vez mais perto de disputar a Série B do Brasileirão pela primeira vez. Após a derrota por 1 x 0 para o Vasco na última segunda-feira (2), o time ficou com 90,6% de chances matemáticas de cair para a segunda divisão.

Na 17ª posição, com 36 pontos, o Cruzeiro não depende só de si para não ser rebaixado. Tem de torcer para o Ceará, primeiro time fora do Z4, não somar mais do que três pontos nas últimas duas rodadas do campeonato. Abaixo, as combinações possíveis dos jogos do time cearense e o que a Raposa tem de fazer para escapar:

Imagem: cruzeiro

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.