Imagem: deputado Silvio Fávero
Silvio Fávero foi atacado por cachorro em 2019 – Foto: divulgação

Foi sancionada pelo governador Mauro Mendes (DEM) e publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (8) a lei que proíbe o passeio de cães de médio e grande porte sem coleira ou focinheira em locais públicos e de grande circulação de pessoas.

A multa para quem for pego sem os itens obrigatórios será de 10 UPFs (Unidades Padrão Fiscal do Estado de Mato Grosso), valor que pode ser dobrado em caso de reincidência. A lei dispõe que os atos danosos provocados pelos animais serão de inteira responsabilidade de seus condutores ou proprietários.

O autor da lei é o deputado estadual Silvio Fávero (PSL), que em março de 2019, foi atacado no rosto por um cachorro durante torneio de futebol em Lucas do Rio Verde (MT).

À época, ele ficou internado e passou por uma cirurgia por causa dos ferimentos nos olhos e na cabeça em decorrência das mordidas que o fizeram perder os movimentos das pálpebras. Por isso ficou licenciado do cargo por um tempo da Assembleia Legislativa.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.