O Corpo de bombeiros procura desde as primeiras horas desta quinta-feira (9) e a polícia Judiciária Civil iniciou as investigações para averiguar um caso que tem gerado revolta entre os moradores do município de Tabaporâ, em Mato Grosso. Um casal está sendo investigado porque teria, supostamente, jogado o próprio filho, de apenas seis meses, em um rio da cidade. Os pais estão sendo procurados.

Imagem: 8a6623c1 fc8a 4ac6 bfee bd844c724f36
Desde as primeiras horas do dia os bombeiros procuram o corpo – Foto: Drielkson Ribeiro

De acordo com a Polícia Civil, o fato teria acontecido no dia 27 de dezembro, mas só veio a tona após uma denúncia feita ao Conselho Tutelar da cidade ontem (08). Uma testemunha, que seria vizinha dos suspeitos, teria contado que o casal queimou os pertences do bebê e fugiu. Ela contou ainda que a criança tinha problemas mentais.

Imagem: f57bdaa2 e6fd 4ee9 980a e63a926208c0
As buscas encerram e devem continuar amanhã – Foto: Drielkson Ribeiro

As investigações apontam que o casal foi visto em três situações. Primeiro nas proximidades do córrego Sereno com o carrinho de bebê. Depois, pai e mãe foram vistos sem a criança e o carrinho. Posteriormente, os dois estavam pedindo carona apenas com mochilas e sem o bebê. Desde então o casal não foi mais visto na cidade.

Imagem: amp carrinho de bebe jogado com crianca no rio
O carrinho do bebê foi encontrado na manhã de hoje por militares – Foto: PJC

O carrinho da criança foi encontrado dentro do rio. Assim que foi acionada, a equipe da Polícia Civil de Taboporã ouviu testemunhas que contribuíram com informações sobre o caso.

Apurado junto a Polícia Civil, o PORTAL AGORA MATO GROSSO descobriu que há aproximadamente quatro meses o casal já havia sido denunciado por maus tratos contra a criança, que ficou no abrigo ‘Casa de Passagem’ durante certo período, porém a guarda foi restituída aos pais. Na época os pais alegaram que a criança realmente tinha problemas mentais e eles não sabiam lidar com o filho (a).

Segundo o Corpo de Bombeiros, a corporação está desde o início do dia procurando o corpo da criança no rio. Ao PORTAL AGORA MATO GROSSO, a assessoria de imprensa do CBM disse que as buscas encerraram, devido a escuridão e os militares retornarão amanhã. As buscas serão realizadas por mergulho e também pela superfície.

Qualquer informação que leve ao paradeiro do casal pode ser repassada a Polícia Civil pelo 197.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.