Agora MT Mundo Mulher vive há 10 anos isolada como humanos da Idade da Pedra
ISOLAMENTO

Mulher vive há 10 anos isolada como humanos da Idade da Pedra

Por Renata Ramos com R7 [email protected]

Enquanto precisamos nos acostumar com termos tipo “isolamento social”, existe uma mulher que escolheu esse como um modo de vida. Ela era roqueira e trocou todo o hedonismo do punk por uma vida sem luxos, escondida no meio de um local remoto e isolado nos Estados Unidos.

Como uma forma de ajudar as pessoas, ela ainda ensina esse estranho modo de vida Lynx Vilden tem 54 anos e seu maior objetivo é replicar ao máximo o estilo de vida da Idade da Pedra. Se você não lembra muito bem das aulas de história, isso dá cerca de 20.000 anos atrás.

Com o dinheiro da herança de uma propriedade da mãe dela, no Reino Unido, ela comprou uma cabana de madeira e um terreno de 2.0234 m² e vive selvagemente por lá. A decisão veio de uma trajetória completa de vida.

Nascida em Londres, ela cantou em uma banda de punk rock e conta que “foi ao limite quando morou em Amsterdã”. “Precisava me limpar”, afirmou ela quando o programa foi ao ar, em 2016. “Daí fui morar numa floresta no norte da Suécia e minha vida mudou”. Ela passou os próximos 25 anos morando em locais remotos, sem água encanada ou eletricidade. Locais como Montana, Arizona e Novo México (EUA), além da Lapônia.

Com a grana da herança ela comprou o terreno e se permitiu alguns luxos: uma pia com encanamento, painéis solares para um pouco de eletricidade e um poço. Há também uma cama, mas ela deixa para a filha, que a visita de vez em quando.

Ela afirma gastar cerca de US$ 10.000 anuais, usados para alimentar os quatro cavalos e para ferramentas utilizadas no inverno.

Relacionadas

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas