20 de setembro de 2020
Mais
    Capa Destaques Operação desarticula grupo criminoso e apreende armas
    EM JUÍNA

    Operação desarticula grupo criminoso e apreende armas

    A ação resultou na apreensão de entorpecentes, duas motocicletas, armas de fogo e munições

    Seis integrantes de uma facção criminosa envolvida em diversos crimes foram presos em flagrante em uma operação da Polícia Civil, em Juína-MT.

    Entre os presos está um foragido da Justiça de Rondônia apontado como autor do latrocínio que vitimou um taxista no município de Vilhena (RO). A ação resultou na apreensão de entorpecentes, duas motocicletas, armas de fogo e munições.

    Imagem: Arma droga dinheiro apreendido com os suspeito Operação desarticula grupo criminoso e apreende armas
    Operação em Juína-MT. Assessoria/Polícia Civil –MT

    A operação foi deflagrada para dar continuidade a uma investigação contra uma associação criminosa, após a prisão de outro integrante do grupo na terça-feira (12). Segundo as informações, os suspeitos mantinham uma residência no bairro Módulo 06, onde eram realizadas a distribuição de drogas, assim como os planejamentos para cometimento de outros crimes.

    O local também seria utilizado por outros integrantes do grupo que vinham de outros municípios para atuação em crime na cidade, assim como para armazenar armas de fogo e munições.

    Durante monitoramento do endereço, os policiais flagraram dois suspeitos na área da residência já conhecidos na cidade e região. Diante das evidências, os policiais realizaram a abordagem de um dos suspeitos que retornou a residência em uma motocicleta Honda Broz. Neste momento, os policiais viram dois outros suspeitos tentando fugir pulando o muro dos fundos da casa, porém  os seis suspeitos que estavam no local foram detidos.

    Em buscas na residência, foram localizadas uma porção de maconha,  uma bolsa com porções de maconha e pasta base de cocaína totalizando aproximadamente 480 gramas de cada uma das substâncias, além de duas motocicletas,  balança de precisão, caderno com anotações relativas a contabilidade do tráfico no município, e R$ 500 em dinheiro. No quintal da casa também foi encontrada uma sacola com duas armas de fogo (um revólver e uma pistola), e também cinco munições calibre 38 e um carregador com sete munições de pistola 765 e cinco munições .

    Segundo as investigações, dois dos suspeitos vieram da cidade de Cotriguaçu para autuar no município como aplicadores de castigos e torturas contra membros do grupo criminoso que descumprissem as ordens da facção.

    Em checagem no sistema, foi constatado o mandado de prisão em aberto contra um dos detidos, expedido pela Comarca de Vilhena (RO). O foragido estava há algum tempo no município de Juína utilizando nome falso e atuando na prática de roubos e outros crime.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS