27 de setembro de 2020
Mais
    Capa Notícias Política Deputado cobra a substituição de pontes de madeira em 22 municípios
    REGIÃO OESTE

    Deputado cobra a substituição de pontes de madeira em 22 municípios

    Embora tenha feito as indicações no mês de maio, Dr. Gimenez se reuniu com o secretário Marcelo Oliveira para reforçar a urgência

    Imagem: Dr. Gimenez
    Foto: assessoria

    O deputado estadual Dr. Gimenez (PV) esteve com o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo Oliveira, na quinta-feira (10), para reforçar a urgência da substituição de pontes de madeira por concreto nos 22 municípios da região oeste de Mato Grosso, que atenderá mais de 300 mil habitantes e um polo importante de produção agropecuária e agricultura familiar no estado.

    Segundo o parlamentar, a maioria das pontes de madeira está em precárias condições de trafegabilidade e pode ocasionar acidentes graves de trânsito, inclusive com vítimas fatais. Além disso, muitos produtores, atualmente, se veem obrigados a gastar mais com transporte das suas cargas, o que onera a cadeia produtiva da região e traz prejuízos à economia local.

    “Essas pontes são das décadas de 1970/80 e 90, fora dos padrões de segurança, sem manutenção e para piorar, já sofreram bastante com as ações da chuva e do tempo o que coloca em risco sua estrutura, várias delas podem desabafar ou estão parcialmente comprometidas e não suportam o tráfego intenso ou pesado”, justificou Dr. Gimenez, que fez as indicações para essas obras no mês de maio deste ano.

    O secretário Marcelo Oliveira explicou ao deputado que os R$ 550 milhões em recursos anunciados neste mês pelo governo estadual serão destinados para obras nos 141 municípios, com a previsão de substituição de 5 mil pontes. Mas para isso é fundamental que a equipe técnica das prefeituras apresente projetos e faça o acompanhamento. “Nosso critério para início das obras não é político, mas técnico”, frisou.

    Ele acrescenta que além desses investimentos, outros R$ 118 milhões serão utilizados para a aquisição de 175 máquinas e equipamentos, sendo 100 moto-niveladoras, 30 pás-carregadeiras, 30 escavadeiras hidráulicas e 15 pranchas para a manutenção de rodovias não-pavimentadas. As aquisições ocorrerão por meio de parcerias com prefeituras, associações e consórcios intermunicipais.

    Para Dr. Gimenez, as obras de infraestrutura contribuem com o desenvolvimento sustentável do estado e da região oeste, que ficou esquecida das últimas administrações estaduais. “Quero parabenizar o governo pela iniciativa, porque os investimentos vão gerar emprego, renda, e também melhorar diretamente a vida da população que depende das estradas para o transporte escolar, circulação de ambulâncias e outros serviços essenciais”.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS