30 de outubro de 2020
Mais
    Capa Notícias Manchete Justiça dá 30 dias para Energisa regularizar fornecimento no município
    RECLAMAÇÕES EM PEDRA PRETA

    Justiça dá 30 dias para Energisa regularizar fornecimento no município

    As reclamações sobre a falta e as constantes quedas de energia viraram caso de Justiça no município de Pedra Preta. O Procon e o Ministério Público conseguiram uma decisão favorável com prazo de execução contra a empresa responsável pela distribuição.

    Segundo a decisão de urgência, a Energisa tem 30 dias para regularizar o fornecimento de energia de modo contínuo, ininterrupto e de maneira adequada aos moradores que vêm sofrendo com a situação atual.

    Imagem: Marlon Fernando Yokada Fernandes Justiça dá 30 dias para Energisa regularizar fornecimento no município
    Marlon Fernando Yokada- Foto: Divulgação

    De acordo com o coordenador executivo do Procon de Pedra Preta, Marlon Fernando Yokada Fernandes, a situação estava insustentável “A problemática sofrida pelos munícipes era absurda, devido as incontáveis quedas e vícios na prestação do fornecimento de energia elétrica, as reclamações só aumentavam e com essa decisão judicial restabelecerá o respeito com a prestação do serviço à todos os moradores” pontuou.

    Em caso de descumprimento, a decisão ainda estabelece pena de responsabilização por crime de desobediência e multa diária no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), até o limite máximo de R$ 200.000,00 (duzentos mil reais).

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS