24 de novembro de 2020
Mais
    Capa Destaques Thiago Muniz diz que faltou liderança à Pátio para conduzir cidade na...
    "SEM LIDERANÇA"

    Thiago Muniz diz que faltou liderança à Pátio para conduzir cidade na pandemia

    Para o candidato, o prefeito não teve liderança para unir a cidade e se envolveu em escândalos como a dos respiradores falsificados adquiridos pela prefeitura

    O candidato a prefeito Thiago Muniz, da coligação “Unir para Crescer” (DEM, PSB, MDB, PDT e PSC) afirmou em entrevista exclusiva ao AgoraMT que teria faltado “liderança” por parte do prefeito José Carlos do Pátio (SD) na condução da cidade durante a pandemia do novo coronavírus. Ele defendeu a aceleração do desenvolvimento econômico da cidade e aumento dos investimentos em saúde.

    Imagem: TM e Renata RAmos3 Thiago Muniz diz que faltou liderança à Pátio para conduzir cidade na pandemia
    “Poderia ter ouvido muito mais, ter unido a cidade”, disparou Thiago Muniz – Foto Assessoria

    Crítico da gestão de Pátio, que é candidato à reeleição, Muniz tem defendido a tese de que Rondonópolis merece uma gestão que faça mais pelo desenvolvimento da cidade. “Mas não só do desenvolvimento econômico, mas do desenvolvimento humano das pessoas. Que a cidade cresça junto com seu povo e que o povo cresça junto com a cidade”, defendeu, citando a sua experiência na vida pública e na privada como empresário como fatores que contribuiriam com isso.

    Sobre a situação da Covid 19 na cidade, Thiago Muniz foi duro na crítica, afirmando que Pátio fez muita confusão, se envolveu em “escândalos horríveis”, compra no caso da compra de respiradores, que foram superfaturados e não entregues ao Município, o que gerou um prejuízo financeiro de mais de R$ 1 milhão para a cidade, além de ter privado ao cidadão do tratamento que seria possível com tais equipamentos, assim como a confusão dos decretos municipais, o que no seu entendimento atrapalhou o comércio local. “Poderia ter ouvido muito mais, ter unido a cidade, mas infelizmente isso não aconteceu e os nossos índices estão aí para comprovar que outras cidades conseguiram fazer o dever de casa muito mais eficientemente que Rondonópolis. E o principal culpado disso, a gente tem que dizer sem medo, é o prefeito municipal que não conseguiu liderar a cidade nessa questão da pandemia”, disparou.

    O candidato democrata ainda defendeu “turbinar” a Saúde, aumentando os investimentos na área, com ampliação do Terceiro Turno para os bairros Padre Lothar e Alfredo de Castro.

    ÚLTIMAS NOTÍCIAS