15 de abril de 2021
Mais
    Capa Destaques Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano...
    SEGURANÇA ALIMENTAR

    Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano de 2020

    Além do atendimento no horário do almoço, marmitas são distribuídas para moradores de rua no período noturno

    Há oito anos, Roberto Gonçalves enfrenta as dificuldades cotidianas para garantir a refeição do dia fornecida pelo Prato Popular. Ele é uma das 100 mil pessoas atendidas neste ano pela unidade, que é gerenciada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), e oferece uma refeição balanceada ao preço simbólico de R$ 1,65 por prato. Do total, cerca de 50 mil marmitas foram distribuídas aos moradores de rua desde o início da pandemia, em março deste ano.

    Imagem: 1484a526 1db2 f3d4 c9a9 a8842486538e?t=1601917295254+&imageThumbnail=3 Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano de 2020

    Setasc mantém atendimento no restaurante Prato Popular.
    Créditos: João Reis/Setasc-MT

    Para ele, além do preço, a qualidade dos alimentos surpreende. “Eu não tenho condições de comprar arroz , feijão e outras coisas para preparar em casa. Almoçar no Prato Popular é a solução para quem realmente precisa”, diz.

    A secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, destaca que as marmitas fornecidas visam garantir a segurança alimentar da população carente. O cardápio é preparado por uma equipe nutricional visando atender às necessidades dos usuários, em termos nutricionais.

    Imagem: 8767f69b 6262 1331 057a 3f6a4389fd7f?t=1605212399338+&imageThumbnail=3 Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano de 2020

    Restaurante Prato Popular oferece refeição a R$ 1.65,00.
    Créditos: João Reis/Setasc

    “As refeições são nutricionalmente balanceadas, para garantir à alimentação mais adequada, com prioridade aos grupos populacionais específicos em situação de vulnerabilidade social. Sabemos que o público que frequenta o Prato Popular está em situação de vulnerabilidade social que foi agravada com a chegada da pandemia”, completou.

    Ela explica ainda que, devido a pandemia do novo coranavírus, o atendimento no Prato Popular foi modificado. As pessoas entram no estabelecimento com uso obrigatório de máscara, respeitando o distanciamento social, e adquirem alimento acondicionado em marmitex descartável e saem para se alimentar em domicílio ou outro local.

    Imagem: 673dd69d bd9d 9770 6676 8a41579ac873?t=1585317751744+&imageThumbnail=3 Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano de 2020

    João Milano

    “Começar a entregar as marmitas prontas para evitar aglomeração no local. Além disso, desde o início da pandemia, começamos a atender a população que vivem situação de rua. Entregamos, todos os dias a noite, cerca de 200 marmitas”, acrescentou a secretária.

    Nesse caso, os alimentos são entregues por representantes do Fórum de População em Situação de Rua, sob o acompanhamento da Secretaria Adjunta de Direitos Humanos (Sadh) e Defensoria Pública-MT, em conformidade com a recomendação do Ministério Público do Estado de Mato Grosso e Defensoria Pública da União. A ação é realizada no período noturno, todos os dias da semana ininterruptamente, inclusive aos sábados, domingos e feriados.

    Imagem: c67810da 3c4c 87aa 3443 edd697af5b3c?t=1585317756839+&imageThumbnail=3 Mais de 100 mil marmitas do prato popular foram fornecidas no ano de 2020

    João Milano

    Atendimento

    A unidade fica localizado na Rua Baltazar Navarros, Nº 567, bairro Bandeirantes, em Cuiabá. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h, (exceto feriados). No mês de dezembro, a unidade estará fechada somente nos dias 24, 25 e 31, assim como no dia 1º de janeiro de 2021.