20 de abril de 2021
Mais
    Capa Destaques Janaina: “Melhorando relação com servidores, Mauro sacramentará reeleição”
    PAIAGUÁS 2022

    Janaina: “Melhorando relação com servidores, Mauro sacramentará reeleição”

    Deputada diz que governador pegou Estado "devastado" pós gestão Pedro Taques

    Imagem: Janaina Mauro Janaina: “Melhorando relação com servidores, Mauro sacramentará reeleição”
    Deputada Janaina Riva vê Mendes como candidato natural à reeleição – Foto: Assessoria

    A deputada estadual Janaina Riva (MDB) afirmou que o governador Mauro Mendes (DEM) caminha para sair candidato à reeleição, na disputa eleitoral de 2022.

    E, segundo a parlamentar, o sucesso em um eventual pleito está atrelado à uma melhora no relacionamento de Mendes com o funcionalismo público do Estado.

    “Sempre falo que acho que a gente precisa melhorar a relação com o servidor público. Quando ele entender que o melhor parceiro de Mato Grosso é o funcionalismo, aí ele vai sacramentar a reeleição e contar com apoio muito grande do Estado, pela organização que tem”, disse.

    “Servidor não é culpado da situação que o Estado se encontra. Tem muito material bom no funcionalismo público de Mato Grosso. Aliás, a maioria. São pessoas que se entregam, que amam o que fazem e o governador precisa melhorar essa relação”, emendou a deputada.

    As declarações foram dadas na tarde desta quinta-feira (25), em entrevista a um site da Capital.

    Na ocasião, Janaina disse acreditar que o governador, apesar de não tratar abertamente sobre o assunto, está trabalhando de modo a garantir sua candidatura ao Paiaguás novamente.

    Ainda durante a entrevista, a emedebista afirmou que Mendes pegou um Estado “devastado” pós gestão do ex-governador Pedro Taques, de quem ela era oposição.

    “Quando eu falava na época do Pedro que a má gestão é tão danosa quanto a corrupção, muita gente achava que era brincadeira. Mas, não saber administrar prejudica tanto quanto roubar. É assim na gestão pública. O Mauro está consertando isso e o vejo como candidato natural à reeleição”, concluiu.