19 de abril de 2021
Mais
    Capa Destaques MPE requer informações sobre bloqueio para regulação de leitos de UTI
    CUIABÁ

    MPE requer informações sobre bloqueio para regulação de leitos de UTI

    Segundo boletim da Secretaria de Estado de Saúde divulgado nesta sexta-feira, dos 21 leitos de UTI que estão bloqueados para regulação

    O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio da 7ª Promotoria de Justiça Cível de Tutela Coletiva da Saúde, estabeleceu o prazo de 48 horas para o Município de Cuiabá informar o motivo e até quando será mantido o bloqueio para regulação de 21 leitos de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) para tratamento da Covid-19. No ofício encaminhado à secretária municipal de Saúde, Ozenira Félix Soares de Souza, o MPMT ressalta que sem a regulação dos referidos leitos, a taxa de ocupação de equipamentos de UTI para Covid-19 alcança o percentual de 80%.

    Segundo boletim da Secretaria de Estado de Saúde divulgado nesta sexta-feira, dos 21 leitos de UTI que estão bloqueados para regulação, 10 estão no Hospital São Benedito e 11 no antigo Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá. Existiriam ainda mais três leitos de UTI pediátricos no antigo Pronto Socorro, todos sob gestão do Município.

    O promotor de Justiça Alexandre de Matos Guedes ressalta no ofício que o Município deverá apresentar documentos aptos a corroborar a resposta.