20 de abril de 2021
Mais
    Capa Bastidores Pandemia completa um ano com aumento de mortes
    NO BRASIL

    Pandemia completa um ano com aumento de mortes

    Imagem: paciente covid Pandemia completa um ano com aumento de mortes
    A Covid-19 chegou a um ano atrás no Brasil e já fez mais de 250 mil vítimas fatais até o momento – Foto Divulgação

    Há exato um ano atrás, o Brasil registrava de forma oficial o primeiro caso da Covid-19 no país, em meio à incertezas e insegurança. Passado esse período, ao contrário do que acontece na maior parte do mundo afora, a doença bate recordes de infecção e mortes, com média diária de mortes acima de mil pessoas.

    Muito disso se deve à própria falta de cuidados mínimos por parte de uma boa parte da população, mas principalmente por falta de campanhas de conscientização para os riscos e cuidados necessários para se prevenir contra a doença, pelo desprezo à ciência por parte de governantes e à falta de vacinas.

    Com mais de 250 mil mortos e 1.428 mortes somente em 24 de fevereiro, o Brasil vacinou até o momento cerca de 3% da sua população, enquanto o nosso vizinho o Chile já ultrapassou a marca de 14% da sua população imunizada contra a Covid-19. Isso porque desde cedo o governo do país latino se preocupou em adquirir vacinas e não contestou a gravidade da pandemia, impondo medidas restritivas necessárias e cobrando os cuidados da parte da sua população.

    Países como Israel Já chegou a 49% da sua população imunizada, o Reino Unido já chegou a 25% e os Estados Unidos já vacinaram 14% da sua população.

    Enquanto isso, seguimos esperançosos de que o nosso governo consiga primeiro se convencer da urgência e necessidade da vacinação e que consiga adquirir os imunizantes em quantidade suficiente para que consigamos em breve nos livrar dessa pandemia e retomarmos as nossas vidas.

    Por enquanto, o que nos resta é nos cuidarmos e cuidarmos do próximo…