Agora MT Política Bolsonaro repete discurso sobre medidas de isolamento: 'eu não fecho nada'
POLÍTICA

Bolsonaro repete discurso sobre medidas de isolamento: ‘eu não fecho nada’

"Eu não fecho nada, eu não fecho nada. A vida é tão importante quanto a questão do emprego", disse a apoiadores

Da redação com política ao Minuto

O presidente Jair Bolsonaro repetiu, nesta terça-feira, 30, e como tem feito desde o início da pandemia, o discurso de que não é o responsável por políticas de fechamento de setores econômicos adotadas no País para evitar o avanço da covid-19. “Eu não fecho nada, eu não fecho nada. A vida é tão importante quanto a questão do emprego”, disse a apoiadores. Na saída do Palácio da Alvorada, o presidente ouviu queixas de um simpatizante sobre os fechamentos praticados em alguns Estados para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Ao contrário da retórica de Bolsonaro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o distanciamento social e medidas de isolamento como forma de prevenir o maior contágio pelo vírus. Bolsonaro, contudo, é crítico a essa estratégia pelo seu impacto na atividade econômica. Por esse motivo, ao longo da pandemia, o chefe do Executivo antagonizou governadores e prefeitos que adotaram medidas de fechamento.

O presidente chegou a entrar com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra os governos do Distrito Federal, Bahia e Rio Grande do Sul para derrubar decretos de “toque de recolher” à população adotados pelos governadores. A ação foi rejeitada pelo ministro Marco Aurélio Mello na semana passada.

A ação apresentada por Bolsonaro foi também um dos motivos para a saída de José Levi da Advocacia-Geral da União (AGU) anunciada nesta segunda-feira junto de outras cinco mudanças no governo. Levi se recusou a assinar a ação apresentada por Bolsonaro para derrubar decretos de toque de recolher.

O processo foi movido pelo próprio presidente e não pela AGU, que é responsável por representar judicialmente os interesses do Planalto perante o STF. Na avaliação do ministro do Marco Aurélio caberia à AGU formalizar o pedido e, por isso, ele rejeitou o recebimento da ação.

 

Relacionadas

Projeto que proíbe trilhos de ferrovias em núcleo urbano é aprovado na ALMT

A Comissão de Infraestrutura Urbana e de Transporte analisou 17 projetos durante a 1ª reunião ordinária do colegiado na tarde desta terça-feira (14). Entre...

Paulo José destaca a importância dos pequenos produtores

Agricultores familiares de diversas comunidades rurais se reuniram na tarde desse sábado (18) para debaterem suas demandas com o pré-candidato a prefeito Paulo José...

Sem valor definido, Lula sanciona com vetos lei que autoriza volta da cobrança do seguro DPVAT

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sancionou com vetos a lei complementar que autoriza a volta da cobrança do DPVAT (Danos Pessoais...

Lula manifesta pesar pela morte do presidente do Irã

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou, nesta segunda-feira (20), a morte do presidente do Irã, Ebrahim Raisi, e do chanceler do país,...

Lula demite Jean Paul Prates da presidência da Petrobras e indica Magda Chambriard

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comunicou nesta terça-feira (14) ao presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, a demissão dele do cargo....

Bolsonaro pede indenização de R$ 50 mil a Boulos por falas sobre morte de Marielle Franco

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) protocolou nesta quinta-feira (16) uma ação por danos morais pedindo a indenização no valor de R$ 50 mil ao...

Após ofensa de Milei a esposa de presidente, Espanha convoca embaixador na Argentina

O governo espanhol chamou de volta ao país neste domingo (19) a representante da nação europeia em Buenos Aires, na Argentina, para consultas após...

Julgamento da cassação do mandato de Moro começa nesta quinta no TSE

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) começa a julgar nesta quinta-feira (16) ações que pedem a cassação do senador Sergio Moro (União Brasil-PR). O tribunal...

STF extingue pena de José Dirceu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro na Lava Jato

A Segunda Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu, por maioria, extinguir a pena do ex-deputado federal e ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu,...

Especiais

Últimas

Editoriais

Siga-nos

Mais Lidas