08 de maio de 2021
Mais
    Capa Notícias Mato Grosso Ministério da Saúde envia 340 cilindros de oxigênio para MT
    SAÚDE

    Ministério da Saúde envia 340 cilindros de oxigênio para MT

    Governo de Mato Grosso solicitou apoio do Governo Federal, que articulou o envio dos insumos para a região Norte do Estado

    Imagem: Mato Grosso recebe 300 cilindros de oxigenio do Governo Federal Ministério da Saúde envia 340 cilindros de oxigênio para MT
    Os insumos chegaram em Sinop em aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) – Foto: Governo Federal

    O Estado de Mato Grosso recebeu 340 cilindros de oxigênio do Governo Federal nesse domingo (28). Os insumos chegaram em Sinop (MT) em aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB). Os cilindros serão armazenados no Hospital Regional localizado na cidade, de onde sairá a logística de distribuição aos municípios mais distantes.

    A entrega é resultado da articulação feita entre o Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), e o Governo Federal.

    Após ser notificado por empresas fornecedoras do insumo, o Estado solicitou apoio nacional quanto aos estoques de oxigênio. A ação teve o objetivo de suprir os hospitais que não são geridos diretamente pelo Estado, mas que já passavam por dificuldades ligadas ao baixo estoque de oxigênio.

    O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, explicou que o abastecimento na rede estadual já estava garantido mesmo com o consumo 250% maior que a média normal.

    “Os cilindros não são para o Hospital Regional, eles serão encaminhados aos municípios mais distantes. A Secretaria de Estado de Saúde tomou todas as providências necessárias para garantir o contínuo fornecimento de oxigênio nos hospitais mantidos pelo Governo, mas o Estado recebeu notificações de possíveis desabastecimentos em outras unidades, o que evidentemente preocupou. Por isso a força tarefa envolvendo o Governo Federal, Estadual e a iniciativa privada, com o objetivo de evitar qualquer desabastecimento em Mato Grosso”, disse o secretário.

    O gestor ainda explica que a operação de transporte terrestre dos cilindros ao Hospital Regional de Sinop é complexo e envolve o apoio da Federação das Indústrias de Mato Grosso (Fiemt) e do Sindicato das Indústrias Madeireiras do Norte de Mato Grosso (Sindusmad).

    Com o suporte da rede de apoio, será possível realizar o desembarque e o carregamento dos cilindros e, posteriormente, a descarga e o acondicionamento dos insumos em local adequado.