16 de maio de 2021
Mais
    Capa Variedades Mayra Cardi reata com Arthur Aguiar e faz elogios
    RECONCILIAÇÃO

    Mayra Cardi reata com Arthur Aguiar e faz elogios

    Influenciadora confirmou reconciliação com vídeo postado na web, nesta segunda (5)

    Imagem: MAIARA CARDI Mayra Cardi reata com Arthur Aguiar e faz elogios
    Mayra Cardi e Arthur Aguiar são pais de Sophia, de 2 anos
    REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

    Mayra Cardi e Arthur Aguiar estão juntos novamente. A informação foi confirmada pela influenciadora digital em vídeo postado nas redes sociais, nesta segunda-feira (5).

    Nas imagens, Mayra aparece com a filha, Sophia, fruto do relacionamento com Arthur, com o próprio marido e comenta a decisão de reatar o casamento. Eles se separaram em maio de 2020 em meio à polêmicas e acusações de traição.

    Apesar da reconciliação, a influenciadora prefere não falar em “volta” e sim “nova vida”. “Mayra, você voltou? Não, porque voltar é fazer o mesmo caminho. Eu me separei, prosseguimos com a papelada de separação para finalizarmos o nosso ciclo. Hoje, é tempo de ressurreição e é assim que eu gostaria que fosse essa nova vida, da morte para a vida. Porque, sim, não podemos chamar de vida tanta falta de amor, tanta falta de respeito e tanta destruição feita no passado em nosso lar”, começou Mayra.

    “Deixar de acreditar no ser humano? Triste, né? É bem mais fácil desistir, bem mais fácil trocar, é bem mais fácil descartar. Afinal de contas, não funciona […] Nós começamos um novo, de novo para viver o novo, respeitando o tempo e a ordem das coisas acima de tudo”, seguiu.

    Ela ainda relembrou sobre as traições, que motivaram o término do casamento.

    “Mas Mayra você tem certeza que ele não vai te trair? Não, não tenho, jamais teria como eu ter. Nunca saberemos o dia de amanhã, nem as nossas ações, muito menos as alheias. Não temos como ter certeza de nada, o ser humano é falho. As minhas escolhas têm riscos, assim como a de qualquer um tem”, refletiu.

    “A vida é feita de escolhas e eu não escolhi ser traída, não escolhi sofrer, não escolhi que minha filha não tivesse um pai presente, nem escolheria ter filha se não fosse pra ter um pai e marido maravilhoso […] Eu farei a minha parte, farei o meu melhor, farei tudo para que minha decisão seja assertiva. Mas de uma coisa eu tenho certeza, na pior das hipóteses, se eu perder, quem perde sempre será quem me perdeu. Assim como toda mulher e filhos que lutam pela transformação de um pai de seu lar, nós decidimos lutar juntos. Mas, desta vez, sabendo que se ele falhar só ele perde”, completou.