11 de maio de 2021
Mais
    Capa Destaques Polícia apura falhas em ponto de vacinação contra Covid-19 em Cuiabá
    IDOSOS EXPOSTOS AO SOL

    Polícia apura falhas em ponto de vacinação contra Covid-19 em Cuiabá

    Investigação é conduzida pelo delegado Vitor Chab Domingues

    Imagem: Vacinacao Cuiaba Polícia apura falhas em ponto de vacinação contra Covid-19 em Cuiabá
    Policia apura falhas em vacinação na Capital – Foto: Assessoria

    A Polícia Civil abrirá um Auto de Investigação de Preliminar (AIP) para apurar supostas falhas na vacinação de idosos contra a Covid-19 no Sesc Balneário, em Cuiabá.

    A investigação é conduzida pela Delegacia Especializada de Delitos Contra a Pessoa Idosa (DEDCPI).

    A equipe recebeu informações que no ponto de vacinação, os idosos estavam enfrentando problemas no atendimento até chegarem ao momento de serem efetivamente imunizados.

    Segundo as informações, não era permitida a entrada de veículos no local e os idosos tinham que ficar esperando em uma fila, debaixo de sol, do lado de fora.

    Só após isso, eles embarcavam em um ônibus em que eram levados para a triagem. A denúncia aponta que os idosos iam em pé e aglomerados dentro do ônibus, que transportava cerca de 30 pessoas por vez.

    Após a triagem, os idosos tinham que novamente embarcar no mesmo ônibus para depois serem levados para o local em que era aplicada a vacina.

    Os investigadores da Delegacia do Idoso estiveram no local e constataram a veracidade das informações, assim como o descontentamento e indignação das pessoas presentes.

    As pessoas com agendamento para a vacinação acreditavam que a vacina seria aplicada no sistema de “drive-thru”, o que não ocorreu.

    O delegado Vitor Chab Domingues disse que abrirá o procedimento para apurar os fatos e já comunicou o Conselho Municipal do Idoso. Ele também oficiará a 34ª Promotoria Civil do Idoso e as Secretarias Municipal e Estadual de Saúde.

    “Em relação aos agentes de saúde que aplicaram as vacinas não há reclamações, as vítimas ressaltaram que eles foram bastante educados e atenciosos. As condições que serão apuradas guardam relação com o momento anterior, que os idosos tiveram que enfrentar até o momento em que finalmente fossem vacinados”, disse o delegado.