16 de maio de 2021
Mais
    Capa Destaques Prefeitura assume cirurgias ortopédicas após paralisação do Governo do Estado
    ALÍVIO DA DOR

    Prefeitura assume cirurgias ortopédicas após paralisação do Governo do Estado

    Todos aqueles que precisarem de uma consulta para investigação sobre problemas ortopédicos podem se dirigir à Central de Regulação que fica na Avenida Frei Servácio

    Imagem: Atendimento Ortopedico Prefeitura assume cirurgias ortopédicas após paralisação do Governo do Estado
    Reprodução

    Acabar com a angústia daqueles que têm alguma enfermidade no aparelho locomotor, como ossos, ligamentos, músculos e articulações do corpo, proporcionando-lhes o tratamento adequado foi uma causa que a Prefeitura de Rondonópolis abraçou desde o final de 2020.

    “A iniciativa ocorreu a partir do desejo do prefeito José Carlos do Pátio. Então, em setembro do ano passado, firmamos uma parceria com o Hospital Otorrino de Cuiabá que, entre outros procedimentos, realiza cirurgias ortopédicas. Dessa forma, nosso Município passou a financiar as operações que eram feitas nesse hospital”, lembra a coordenadora da Central de Regulação de Rondonópolis, Márcia Gabriel.

    Após estabelecido o contrato com o hospital, foram poucos meses para que a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) desse início ao projeto. “Em dezembro, a Central de Regulação começou a regular esses pacientes. Muitos deles, inclusive, aguardavam na fila há vários anos”, revela a coordenadora que emenda: “Anteriormente, essas cirurgias eram feitas no Hospital Regional e foram canceladas desde o início de 2020 por conta da pandemia. Isso gerou uma grande fila de espera e a atual gestão resolveu agir para amenizar o sofrimento dessas pessoas.

    Desde então, 142 indivíduos foram encaminhados para os devidos atendimentos que indicariam a necessidade de acompanhamento médico ou mesmo intervenção cirúrgica. Cerca de 80 deles precisaram ser operados. Entre os procedimentos ofertados pela SMS estão retirada de material de síntese, reconstrução de ligamento e de perda óssea, cirurgias de joelho, do ombro e da síndrome do carpo, ressecção de cisto.

    Todos aqueles que precisarem de uma consulta para investigação sobre problemas ortopédicos podem se dirigir à Central de Regulação que fica na Avenida Frei Servácio s/n, Bairro Santa Cruz (ao lado do SAE, onde era a antiga Farmácia de Manipulação), que funciona das 6h às 17 horas, ou entrar em contato pelo número 3422-0214, no Setor de Cirurgias Eletivas.