18 de abril de 2021
Mais
    Capa Destaques Procura por plano funerário cai e setor registra queda no faturamento
    RONDONÓPOLIS

    Procura por plano funerário cai e setor registra queda no faturamento

    “Ao contrário do que muitos pensam o setor também sentiu uma queda no faturamento"

    Imagem: dalva Procura por plano funerário cai e setor registra queda no faturamento
    Maria Dalva – Foto: TV CIDADE

    O número de mortes pela Covid -19 registrados nos últimos meses assustam. A pandemia afetou vários setores da economia, inclusive o da funerária.

    As informações foram repassadas pela Maria Dalva que há mais de 20 anos trabalha no setor funerário em Rondonópolis.

    “Ao contrário do que muitos pensam o setor também sentiu uma queda no faturamento. Muitas pessoas deixaram de pagar os planos mensais que registrou queda de 50% no faturamento. As pessoas estão dando prioridade pelos serviços essenciais, alimentação, saúde, água, luz e não estão pagando o plano” explica Dalva.

    Imagem: urnas Procura por plano funerário cai e setor registra queda no faturamento
    Urnas funerárias – Foto: TV CIDADE

    A empresária ainda esclarece que com a quantidade de mortes a procura por urnas funerárias aumentaram e com o aumento na demanda a oferta diminuiu aumentando assim os preços.

    Além das urnas, Dalva conta que outros materiais tiveram aumento.

    “Uma máscara que custava R$ 1,  agora custa R$ 3. Para se ter uma ideia na hora de lacrar a urna o funcionário precisa estar muito bem protegido. Ele usa  três peças de roupas, duas máscaras, saquinhos de proteção nos pés, 3 luvas e óculos” relata.