23 de junho de 2021
Mais
    Capa Notícias Cidades Cuiabá pode adotar vacinação escalonada para a Educação
    MAIS DE 6,8 MIL SERVIDORES

    Cuiabá pode adotar vacinação escalonada para a Educação

    Esquema de imunização teria início pelos profissionais da educação infantil

    Imagem: Vacinacao Cuiabá pode adotar vacinação escalonada para a Educação
    Professores poderão ser vacinados de forma escalonada – Foto: Reprodução/Ilustrativa

    Cuiabá poderá adotar, nas próximas semanas, a vacinação de forma escalonada dos profissionais da Educação. Atualmente, somente na rede pública municipal, há 6.882 servidores entre professores, técnicos de desenvolvimento, técnicos em nutrição escolar e auxiliares de serviços gerais.

    O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), autorizou a realização de um diagnóstico para planejar a imunização.

    Até o início da próxima semana, a Secretaria de Educação encaminhará à Secretaria de Saúde o levantamento do número exato de profissionais.

    Essa relação deve constar aqueles que atuam nas redes públicas municipal, estadual e federal, além das unidades de ensino filantrópicas e particulares, em todos os níveis de ensino.

    “Temos uma preocupação em relação ao retorno das atividades presenciais nas unidades educacionais públicas de Cuiabá. É um universo muito grande de profissionais. Então, determinei que a Secretaria de Educação faça esse levantamento para que possamos planejar a separação das doses necessárias já nos próximos carregamentos que chegarem ao município”, disse Emanuel.

    Considerando a proposta de vacinação por escalonamento, seriam imunizados no primeiro momento os profissionais da educação infantil.

    Posteriormente, seriam vacinados os profissionais do ensino fundamental I, seguidos do ensino fundamental II, posteriormente, ensino médio, finalizando com o ensino superior, por regional.

    De acordo com o prefeito Emanuel Pinheiro, dependendo do número de doses disponíveis, uma mesma vacina será aplicada aos profissionais de cada modalidade de Ensino.

    “Assim, à medida que os profissionais forem sendo vacinados, encerrado o período recomendado para que estejam imunizados, poderemos retornar às atividades híbridas nas unidades da rede pública municipal de ensino”, ressaltou.

    Aulas híbridas

    Na última quinta-feira (27), o prefeito anunciou que as aulas presenciais na rede municipal de Cuiabá – previstas para serem retomadas no próximo dia 1º – foram adiadas.

    No primeiro momento, a retomada se daria ainda pela modalidade híbrida – quando as turmas de alunos se revezam entre aulas presenciais e por meio remoto.

    O prefeito disse ter tomado a decisão, em razão do novo aumento dos casos e mortes de Covid-19 nas últimas semanas.