18 de junho de 2021
Mais
    Capa Notícias Cidades Cuiabá tem alta na taxa de ocupação de UTIs infantil
    BOLETIM DA PANDEMIA

    Cuiabá tem alta na taxa de ocupação de UTIs infantil

    Em um intervalo de duas semanas, cidade saiu de 0 para 6 internações

    Imagem: retaguardaUTI Cuiabá tem alta na taxa de ocupação de UTIs infantil
    Internações em UTIs infantil tiveram alta – Foto: Assessoria/Ilustrativa

    O último boletim epidemiológico divulgado pela secretaria de Saúde de Cuiabá mostra um aumento nas internações em UTIs infantil Covid-19.

    Em um intervalo de duas semanas, subiu de zero para seis o número de crianças hospitalizadas em razão de complicações causadas pelo vírus.

    O documento foi divulgado nesta quinta-feira (27), mas traz dados relativos ao período entre os dias 8 e 22 de março.

    Enquanto as UTIs infantil apresentaram alta considerável, as ocupações em UTIs adulto (saindo de 75,6% para 76,6%) e enfermarias (de 43,1% para 44,3%) não sofreram grandes oscilações no período analisado.

    O boletim também traz dados gerais da pandemia na Capital, sempre analisando esse intervalo de tempo (dias 8 a 22 de maio).

    Neste período, foram notificados 1.444 casos da doença, 215 internações e 87 óbitos.

    A média de casos das duas últimas primeiras semanas de maio (722) foi inferior ao das duas primeiras semanas do mês (788).

    Entretanto, a média de casos semanais saiu de 1060 neste mesmo período quando analisado o ano de 2020, para 1.889 registros no ano de 2021.

    Ainda conforme as análises da Saúde do Município, o número de mortes nos primeiros cinco meses de 2021 (1.631) é maior que o ano de 2020 (1.191).

    Entre os pacientes internados com evolução do caso, 41,3% dos idosos, 17,1% dos adultos, e 9,4% das crianças e adolescentes foram a óbito.