21 de junho de 2021
Mais
    Capa Blogs Agora Agro Preço do leite pago ao produtor apresenta alta de 0,82%
    MATO GROSSO

    Preço do leite pago ao produtor apresenta alta de 0,82%

    Esse aumento no preço do leite foi puxado pelas regiões oeste (7,03%) e norte (1,10%)

    O mês de abril se encerrou e, com isso, os laticínios mato-grossenses realizaram o pagamento aos produtores pelo leite captado em março de 2021. As informações são do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea).

    Os economistas explicam que foi observada uma leve alta no preço médio do litro do leite, sendo 0,82% maior no comparativo mensal, logo, o valor médio pago ao produtor pelo leite captado em março foi de R$ 1,61/l, em Mato Grosso.

    Esse aumento no preço do leite foi puxado pelas regiões oeste (7,03%) e norte
    (1,10%), uma vez que as demais regiões do estado apresentaram queda em seus preços.

    Apesar de esse preço ser ainda menor que os patamares do 4º trim.20 (R$ 1,73/l), é importante frisar que o valor pago em março é o maior já registrado para o mês dentro da série histórica do Imea e supera em 57,69% o preço de março de 2020.

    Este cenário de preços foi reflexo do aumento no custo de produção, e de uma maior demanda externa, uma vez que as exportações de lácteos apresentaram um aumento de 74,65% em março de 2021.