15 de junho de 2021
Mais
    Capa Notícias Manchete Educação homologa documento de implementação do novo Ensino Médio em MT
    MUDANÇAS

    Educação homologa documento de implementação do novo Ensino Médio em MT

    Serão 13 escolas-piloto no Estado, que propõem que a formação dos estudantes ocorra de forma interdisciplinar

    Imagem: Secretario Alan Porto david borges Educação homologa documento de implementação do novo Ensino Médio em MT
    Secretário de Educação, Alan Porto  – Foto: David Borges

    A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) homologou o Documento de Referência Curricular de Mato Grosso – Etapa Ensino Médio. A Portaria Nº 356/2021 foi assinada pelo secretário de Estado de Educação, Alan Porto, durante reunião online que contou com a participação de representantes do Ministério da Educação, do Instituto Reúna e das Diretorias Regionais de Ensino (DREs).

    “Agora temos o desafio de implementação do novo Ensino Médio, a orientação, a parte de formação, a reestruturação do plano político-pedagógico das escolas. Então, é uma etapa que vamos trabalhar em conjunto com todos vocês e tenho certeza que vamos avançar e implementar essa nova política do novo Ensino Médio. É uma prioridade nossa, de Estado”, disse Alan Porto.

    Desde 2018, quando foi publicada a resolução da Base Nacional Curricular Comum na Etapa do Ensino Médio, começaram os trabalhos para elaboração do DCR-MT. Nesse período foi instituído um comitê de acompanhamento de implementação e realizadas audiências públicas e rodas de conversas sobre o tema, totalizando mais de 12 mil contribuições e 10 mil participantes.

    Para a elaboração do material, houve uma preocupação em respeitar as diferentes realidades vividas pelos estudantes mato-grossenses, como os indígenas, os quilombolas e os do campo.

    “É um momento muito importante. Iniciamos uma nova era de desenvolvimento das atividades no Ensino Médio. Agradeço a todas as pessoas que nos ajudaram a fazer um Documento de Referência Curricular que tem a cara de Mato Grosso, que foi a nossa proposta desde o início”, disse a secretária-adjunta de Gestão Educacional da Seduc-MT, Irene de Souza Costa.

    O coordenador-geral do Ensino Médio do Ministério da Educação, Fernando Wirthmann, elogiou o trabalho realizado pela Seduc-MT. “É um documento muito robusto, um documento que permite atender a diversidade das nossas juventudes presentes dentro do estado de Mato Grosso”, disse.

    Diretora do Instituto Reúna, Kátia Smole afirma que o documento traz uma “proposta de esperança para os jovens”. “O referencial de Mato Grosso chega até aqui com muita qualidade, com uma equipe que se dedicou com os professores e comunidade para fazer esse documento”, elogiou.

    Alan Porto agradeceu o empenho da equipe de redatores que trabalhou na elaboração do documento, aos servidores da Seduc-MT envolvidos na ação e também aos professores da rede.

    “Neste momento de pandemia os desafios estão aumentando, mas tenho certeza que, com o engajamento da rede, com os profissionais de educação e todas as instituições da sociedade organizada, daremos passos importantes para melhorar a qualidade da aprendizagem e do ensino do Estado”, disse.

    Novo Ensino Médio

    Mato Grosso tem 13 escolas-piloto do novo Ensino Médio, que propõem que a formação dos estudantes nesta etapa da Educação Básica ocorra de forma interdisciplinar.

    “A proposta é de flexibilização do currículo escolar, com o aprofundamento na área de interesse dos estudantes, de modo a contemplar as 10 competências gerais, as competências específicas de cada área e as habilidades dos eixos estruturantes dos itinerários formativos”, destaca a Coordenadora do Ensino Médio, Giseli Maciano.