03 de agosto de 2021
Mais
    Capa Destaques Risco para a Covid-19 piora e pode provocar aumento de restrições em...
    SITUAÇÃO CRÍTICA

    Risco para a Covid-19 piora e pode provocar aumento de restrições em Rondonópolis

    Além de Rondonópolis outros 26 municípios foram classificados com nível de risco muito alto para o coronavírus; Secretaria Municipal de Saúde ainda não se pronunciou

    Imagem: Comite de gestao Risco para a Covid-19 piora e pode provocar aumento de restrições em Rondonópolis
    Comitê Gestor de Crise deverá ser chamado para avaliar adoção de novas medidas restritivas em Rondonópolis – Foto: Varlei Córdova/AgoraMT

    A Secretaria Estadual de Saúde divulgou hoje (15) um novo boletim informativo mostrando um agravamento da pandemia de Covid-19 em todas as regiões do Estado. Rondonópolis, que estava na classificação de ‘risco alto’, passou para o nível ‘muito alto’ e deverá adotar medidas mais restritivas visando conter o avanço da doença.

    Entre as medidas previstas pelo Governo do Estado para municípios classificados com nível de risco ‘muito alto’ está a decretação de quarentena coletiva obrigatória por um período de pelo menos 10 dias. Também devem ser suspensas aulas presenciais em unidades de ensino público e privadas e a apenas os serviços públicos considerados essenciais será mantidos.

    A Secretaria de Saúde de Rondonópolis ainda não se pronunciou sobre a nova classificação. Há a expectativa de que seja convocada uma nova reunião do Comitê Gestor de Crise para avaliar o quadro geral e decidir quais medidas serão adotadas.

    A última reunião do Conselho de Crise no Município ocorreu no dia 27 de maio, quando a cidade contabilizava 779 óbitos e 28.945 casos confirmados. De lá para cá foram registrados 2.418 novos casos e outras 48 pessoas perderam a vida por causa da Covid-19.

    QUADRO GERAL
    Além de Rondonópolis outros 26 municípios foram classificados com nível de risco muito alto para o coronavírus. São eles: Água Boa, Araguainha, Arenápolis, Barra do Bugres, Barra do Garças, Cáceres, Campo Novo do Parecis, Campo Verde, Cláudia, Confresa, Guiratinga, Itanhangá, Juína, Lucas do Rio Verde, Luciara, Nova Mutum, Peixoto de Azevedo, Primavera do Leste, Santa Rita do Trivelato, Santo Antônio do Leste, São José do Povo, Sapezal, Sorriso, Tangará da Serra, Torixoréu e Vila Rica.

    Outras 114 cidades estão classificadas na categoria alta para a contaminação do coronavírus. Nenhum município foi classificado com risco moderado ou baixo para a Covid-19.