03 de agosto de 2021
Mais
    Capa Cidades Cuiabá MT premiará líderes em imunização; “lanternas” serão expostos
    PROGRAMA DE R$ 65 MILHÕES

    MT premiará líderes em imunização; “lanternas” serão expostos

    Governo quer estimular o alcance das metas das campanhas estipuladas pelo Ministério da Saúde

    Imagem: Mauro Mendes poderese MT premiará líderes em imunização; “lanternas” serão expostos
    O governador Mauro Mendes, que lançou programa Imuniza Mais MT – Foto: Gcom-MT

    O governador Mauro Mendes (DEM) e o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, lançaram nesta quarta-feira (21), o programa Imuniza Mais MT, que – entre outras ações – premiará os gestores do Estado que tiverem os maiores percentuais de vacinação em suas cidades.

    Serão levados em consideração os desempenhos nas campanhas de imunização como a da Covid-19, da Influenza, além de outras doenças que dispõem de imunobiológicos.

    A ideia, segundo o governador, é fazer com que Mato Grosso alcance as metas das campanhas estipuladas pelo Ministério da Saúde.

    Por meio do programa, serão investidos R$ 65 milhões até o ano de 2023, que serão divididos entre premiações às prefeituras, reforma, construção, aquisição de veículos, câmara fria, ar-condicionado, equipamentos de refrigeração, insumos, serviços, capacitações e comunicação.

    Segundo Mendes, os valores repassados aos municípios – que totalizam R$ 10,4 milhões – deverão ser aplicados somente em ações na área da Saúde.

    “Temos o desafio de melhorar a performance de vacinação. Vamos divulgar e dar ampla publicidade nessa avaliação, ranquear os municípios, não só mostrando quem foram os melhores colocados, como também vamos divulgar os últimos no ranking”, disse o governador, durante o lançamento.

    “Os primeiros três lugares ganharão prêmio, parabéns. Agora, já adianto que até recebi uma sugestão de dar o troféu ‘seringa furada’ aos que tiverem nas piores colocações”, emendou Mendes.

    Segundo ele, é compreensível que algumas cidades estejam com a vacinação na casa de 70% a 8% de doses aplicadas. Mas, os que tiverem abaixo desses índices precisam dar explicações plausíveis.

    Programa e Premiações

    Durante o lançamento, o secretário Gilberto Figueiredo explicou que a primeira etapa de premiações às prefeituras ocorrerá já em outubro deste ano, considerando os resultados obtidos nas campanhas vacinais contra Influenza e Covid-19.

    Os municípios serão divididos em seis áreas – considerando a população de cada um deles – e serão premiados os que alcançarem mais de 80% de imunização contra influenza e mais de 90% de cobertura vacinal contra Covid-19.

    Nesta etapa, os prêmios variam de R$ 40 mil a R$ 300 mil.

    Já a segunda etapa de premiação ocorrerá em janeiro do próximo ano, quando será avaliada a cobertura vacinal de todo o ano de 2021. Nessa ocasião, serão avaliadas a imunização contra outras doenças, além da influenza e da Covid.

    Nesta etapa, os municípios concorrerão a premiações que chegam a R$ 1 milhão.