03 de agosto de 2021
Mais
    Capa Cidades Tangará da Serra Autor de tripla tentativa de homicídio e foragido por estupro são presos
    TANGARÁ DA SERRA

    Autor de tripla tentativa de homicídio e foragido por estupro são presos

    O autor de três tentativas de homicídio ocorrido no ano de 2019 no município de Tangará da Serra (MT) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (05), em ação da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) do município.

    Com o suspeito de 38 anos foi apreendida a arma de fogo utilizada no crime, sendo também lavrado o flagrante pelo crime de posse ilegal de arma de fogo de uso restrito.

    No ano de 2019 o suspeito ameaçou sua ex-companheira de morte, descumprindo medida protetiva imposta pela Justiça. As tentativas de homicídio foram praticadas contra o filho da ex-companheira e dois amigos que se aproximaram do suspeito e de seu irmão no momento em que eles passavam em frente a casa da vitima.

    Na ocasião, o suspeito utilizou uma espingarda para atirar contra os três jovens. A ação foi deflagrada para dar cumprimento ao mandado de prisão expedido contra o suspeito pelo envolvimento na tripla tentativa de homicídio. Questionado sobre a arma, ele confessou que estava guardada em sua residência no bairro Jardim Lúcia.

    Em continuidade as diligências, os policiais foram até o endereço, onde localizaram a espingarda calibre 36 com numeração raspada.

    Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Tangará da Serra, onde além de serem tomadas as providências de praxe para cumprimento do mandado também foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito.

    Prisão foragido

    Em outra ação realizada nesta segunda-feira (05), os policiais de Tangará da Serra cumpriram dois mandados de prisão contra o mesmo homem que estava foragido da Justiça.

    O suspeito de 34 anos compareceu à delegacia para registrar um boletim de ocorrência e durante checagens no sistema foram descobertos os mandados de prisão em seu desfavor.

    Uma das ordens de prisão contra o suspeito foi expedida pela Justiça do Paraná por crime de homicídio. O segundo mandado de prisão foi expedido pela Comarca de Cotriguaçu (MT) por estupro.