03 de agosto de 2021
Mais
    Capa Notícias Prefeito confirma flexibilização e pede ajuda para evitar ‘medidas amargas’
    CONFIRMADO

    Prefeito confirma flexibilização e pede ajuda para evitar ‘medidas amargas’

    O prefeito José Carlos do Pátio disse que pedidos dos vereadores e melhora de indicadores motivaram redução de restrições; cidade é a única da região com nível de risco 'moderado'

    Imagem: José Carlos Junqueira de Araújo prefeito Municipal de Roo
    O prefeito José Carlos do Pátio disse que números positivos justificam abertura – Foto: Varlei Cordova /AGORA MATO GROSSO

    O prefeito José Carlos do Pátio falou à imprensa hoje (02), logo após o encerramento da reunião do Comitê de Gestão de Crise de Rondonópolis. Ele confirmou mudanças nas restrições, conforme antecipado pelo portal Agora MT. Conforme o prefeito, a abertura ocorreu a pedido da Câmara Municipal e também devido a melhora nos indicadores sobre a evolução da pandemia.

    “Nossos dados melhoraram e hoje Rondonópolis é a única cidade da região no nível de risco ‘moderado’. Além disso a Secretaria de Saúde já está vacinando pessoas com idades de 43 anos, o pessoal da Educação de 35 anos, e todos os que têm comorbidades já foram vacinados. Então estamos num momento de equilíbrio”, disse ele ao explicar as mudanças.

    O prefeito também confirmou que pesou na decisão os pedidos apresentados ontem (01) numa reunião organizada por vereadores com representantes dos setores de bares, restaurantes e hotéis. A principal reivindicação foi a ampliação dos horários de funcionamento no período noturno e nos finais de semana.

    “Dia desses vi um deputado dizendo que ‘tem que abrir a cidade’, mas o que ele fez para ajudar a cidade? A Câmara é diferente. Os vereadores foram ao Hospital Regional exigir mais UTIs, foram a Cuiabá exigir mais vacina. Então quando tive essa cobrança deles me senti na necessidade de atender”.

    MEDIDAS AMARGAS
    As mudanças serão formalizadas em um decreto do Executivo e passam a vigorar imediatamente. A partir de agora as atividades comerciais podem funcionar normalmente até as 22 horas, inclusive aos domingos e feriados.

    O toque de recolher, que antes começava as 21 horas, terá início às 23h e seguirá até as 05 da manhã. Neste período só poderão circular pela cidade trabalhadores de áreas essenciais ou aqueles que comprovarem a necessidade.

    O prefeito José Carlos do Pátio pediu que as mudanças sejam recebidas com serenidade e todos mantenham os cuidados mínimos visando evitar a contaminação e transmissão do coronavírus.

    Imagem: vacinacao para lactantes Prefeito confirma flexibilização e pede ajuda para evitar ‘medidas amargas’
    Avanço da campanha de vacinação contra a Covid-19 pesou na decisão de flexibilizar restrições – Foto: Reprodução

    “Quero deixar claro que se voltar a piorar terei de tomar as medidas amargas. Em nenhum momento temos interesse de fazer restrições, mas quando olhamos a retaguarda e não tem o apoio precisamos a única solução é fazer restrições”, alertou.

    O prefeito destacou na entrevista que a cidade é uma das que, proporcionalmente, mais salvou vítimas da Covid. O município registra mais de 35 mil contaminações e 859 óbitos.

    “Muitas vidas foram salvas e quero destacar meu agradecimento à equipe da Saúde por esse trabalho”. Mas ele ponderou que também há dados preocupantes. “Nossa cidade é a 139ª em população e a 82ª em número de mortes por Covid-19.  Isso é preocupante e não vou aceitar o que está acontecendo”.

    Conforme José Carlos do Pátio a cidade também registrou bons números na economia, com aumento na geração de empregos confirmados em levantamentos do IBGE e do Caged.