Mais
    AgoraMT Mundo França suspende milhares de profissionais de saúde não vacinados
    INTERNACIONAL

    França suspende milhares de profissionais de saúde não vacinados

    Vacinação passou a ser obrigatória no país

    A vacinação contra a covid-19 passou ser obrigatória na França nessa quarta-feira (15) e foram suspensos de suas funções todos os profissionais de saúde que não estejam vacinados e se recusem a tomar um imunizante. A medida, que abrange 2,7 milhões de pessoas mas conta com forte oposição de uma minoria, surge depois de, em alguns países da Europa e nos Estados Unidos (EUA), serem fortes e ruidosos os movimentos antivacinas.

    Até ontem, para continuar a trabalhar, todos os profissionais de saúde – de hospitais, de lares de idosos, cuidadores informais, bombeiros, condutores de ambulâncias – tinham de ser inoculado com, pelo menos, uma dose da vacina contra o novo coronavírus. Dois meses após o ultimato do presidente francês, Emmanuel Macron, uma minoria significativa não se vacinou contra o SARS-CoV-2.

    “Cerca de 3 mil notificações por suspensão foram enviadas ontem aos funcionários dos centros de saúde e clínicas que ainda não foram vacinados”, disse Olivier Veran à rádio RTL.

    De acordo com o ministro francês da Saúde, “dezenas de profissionais” demitiram-se, em vez de aceitar o imunizante.

    Alguns médicos, enfermeiros e até cuidadores têm recusado a vacina devido a questões éticas pessoais ou por razões tradicionais, como a crença de que possam existir efeitos secundários graves, embora esses nunca tenham sido confirmados cientificamente. Há também aqueles que discordam da necessidade de medidas de saúde pública para conter a pandemia ou ainda quem tenha dúvidas específicas sobre as vacinas.

    Mas agora, quem se recusar a tomar é suspenso, fica sem salário e pode mesmo vir a ser despedido. Segundo o ministro, “grande parte dessas suspensões são apenas temporárias” e estão associadas “principalmente ao pessoal dos serviços de apoio”, não tanto médicos ou enfermeiros.

    “Muitos deles decidiram vacinar-se, visto que passou a ser obrigatório”, mas houve dezenas de demissões nesta fase.

    “Estamos muito longe dos números de 200 mil a 300 mil trabalhadores da saúde que poderiam ser afastados, segundo algumas fontes, da assistência médica ou de lares e infraestruturas de apoio a idosos por serem contrários à vacinação.

    Quem não justificar a recusa da vacina, uma contraindicação ou contaminação recente, “não pode mais exercer a atividade”, de acordo com a lei publicada em 5 de agosto.

    Em julho, Macron estabeleceu o prazo até 15 de setembro para que todos os profissionais de saúde recebessem pelo menos a primeira dose de uma vacina, sob pena de suspensão sem remuneração. Apesar do ultimato, milhares de profissionais de saúde continuam sem a vacinação completa, o que tem levantado questões acerca da sobrevivência do sistema de saúde.

    O crescimento de movimentos antivacinas na França e em outros países, como os Estados Unidos e o Reino Unido, levou o governo francês a adotar a medida.

    De acordo com o último relatório das autoridades, divulgado em 7 de setembro, pouco mais de 88% dos prestadores de cuidados em hospitais e lares receberam pelo menos uma dose e quase 94% entre os profissionais independentes. Ou seja, cerca de 12% dos funcionários hospitalares públicos e 6% dos profissionais de consultórios privados ainda não tinham sido vacinados.

    Veran afirmou, contudo, que “a continuidade do atendimento está assegurada”.

    O ministro da Saúde fez, por outro lado, um apelo para que todas as pessoas que recebem a vacina contra a gripe todos os anos (entre 17 milhões e 18 milhões de pessoas) venham a receber uma terceira dose contra a covid-19.

    Importantes

    Informe Publicitário

    Conferência sobre o Estatuto do Pantanal

    https://www.youtube.com/watch?v=NrJTjRGwmRs
    MADEIRAS APREENDIDAS

    Recursos são destinados para qualificação de Polícia Ambiental

    Em Itiquira, município distante 361 Km de Cuiabá, recursos obtidos com a destinação de produtos madeireiros apreendidos e leiloados, algo em torno de R$...
    QUALIFICAÇÃO

    Parceria entre Prefeitura e Obra Kolping realiza curso de ‘Cozinha Trivial’

    Uma parceria entre a Prefeitura e a instituição Obra Kolping possibilitou a realização de um curso de formação em ‘Cozinha Trivial’ onde foram capacitadas...
    ESTAVA ALCOOLIZADO

    Motorista que “atropelou cruzes” responderá por direção perigosa e outros crimes

    A Polícia Civil identificou o motorista de um veículo Fox Vermelho que, na última segunda-feira (25), invadiu o canteiro central na avenida Historiador Rubens...
    EDUCAÇÃO

    Educadores participam de assembleia em Rondonópolis para discutir situação na rede estadual

    Cerca de 100 educadores participaram da Assembleia Geral realizada na manhã de hoje (27) pela subsede do Sintep em Rondonópolis. Conforme o sindicato, os...
    CABE RECURSO

    Nininho divulga nota e se diz ‘perplexo’ com condenação por crime de responsabilidade

    O deputado estadual Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD), divulgou nota em que se diz ‘perplexo’ com a notícia de sua condenação em primeira instância,...
    DE BRUXINHA

    Filha de Sabrina Sato entra no clima de Halloween

    Zoe, filha de Sabrina Sato e Duda Nagle, já está no clima de Halloween. A pequena apareceu nas redes sociais da mãe caracterizada de...
    SEM LICITAÇÃO

    PF faz ação contra fraudes em contratos do Ministério da Saúde no Rio

    A Polícia Federal cumpre hoje (27) quatro mandados de busca e apreensão contra suspeitos de envolvimento com irregularidades em contratos no Ministério da Saúde....
    DISPAROS NO WHATSAPP

    Três ministros do TSE votam contra cassação da chapa Bolsonaro/Mourão

    Três ministros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) votaram hoje para arquivar dois processos que pedem a cassação da chapa do presidente Jair Bolsonaro (sem...
    CONHEÇA SANTIAGO DO NORTE

    Nova cidade do Mato-Grosso oferece oportunidade de empreendimentos e investimentos

    O Mato Grosso é o pilar do agronegócio no Brasil e tem este setor como responsável por 50% do Produto Interno Bruto (PIB) da...
    AMOR E SOLIDARIEDADE

    Projeto ‘Jardim de Deus’ atende crianças carentes e se mantém através de doações

    Um lugar para as crianças se alimentarem, conversarem e se sentirem acolhidas. Assim é conhecido pela vizinhança o salão em que funciona o ‘Projeto...
    CONHEÇA SANTIAGO DO NORTE

    No coração de Mato Grosso, Santiago do Norte é cenário de investimentos e desenvolvimento

    Em meio a uma das maiores crises sanitárias e econômicas de sua história, o Brasil procura alternativas para seguir crescendo economicamente. Na região central...
    FUTURO PROMISSOR

    Distrito planejado atrai empreendedores para interior do Mato Grosso

    O impacto do Mato Grosso na economia brasileira já não é novidade e cada vez mais o estado se torna parte fundamental no PIB...

    Editoriais