Mais
    Agora MT Manchetes Justiça afasta prefeito e decreta prisão de chefe de gabinete por ilícitos...
    OPERAÇÃO CAPISTRUM

    Justiça afasta prefeito e decreta prisão de chefe de gabinete por ilícitos na Secretaria de Saúde

    Os pedidos foram acolhidos pelo Tribunal de Justiça que corre em segredo de justiça.

    FONTE
    VIA

    Imagem: emanuel ok Justiça afasta prefeito e decreta prisão de chefe de gabinete por ilícitos na Secretaria de Saúde
    O prefeito Emanuel Pinheiro: gestão marcada por operações – Foto:Tchélo Figueiredo/Prefeitura de Cuiabá

    O Ministério Público e a Polícia Civil, através do Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco) da Procuradoria-Geral de Justiça, cumprem na manhã desta terça-feira (19) a ‘Operação Capistrum’. O alvo da operação é o prefeito Emanuel Pinheiro e parte do seu staff por ilícitos perpetrados no âmbito da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá.

    Foram postuladas ao Poder Judiciário do Estado de Mato Grosso medidas cautelares criminais visando a decretação de busca e apreensão e sequestro de bens em desfavor do Prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro e sua esposa Márcia Aparecida Kuhn Pinheiro, do Chefe de Gabinete Antônio Monreal Neto, da Secretária Adjunta de Governo e Assuntos Estratégicos Ivone de Souza e do Ex-Coordenador de Gestão de Pessoas Ricardo Aparecido Ribeiro, bem como de afastamento da função pública em relação a Emanuel Pinheiro, Antônio Monreal Neto e Ivone de Souza, e prisão temporária de Antônio Monreal Neto.

    Os pedidos foram acolhidos pelo Tribunal de Justiça no âmbito do procedimento de nº 47.520/2021, o qual corre em segredo de justiça.

    O GAECO da capital e a DECOR (PJC-MT) prestaram apoio ao NACO para cumprimento dos mandados judiciais.

    Além da medida criminal determinada pelo Tribunal de Justiça, o Ministério Público propôs, através do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa, ação cível por ato de improbidade administrativa visando a aplicação das sanções da lei de improbidade, bem como apresentou pedidos de indisponibilidade de bens e afastamento de agentes públicos.

    NOTA 

    Em nota, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, informou que recebeu notificação judicial na manhã de hoje (19) sobre investigação do Ministério Público do Estado de Mato Grosso.

    “Recebeu com surpresa decisão que gerou afastamento de suas funções em razão de apuração por contratação irregular de servidores da Saúde em Cuiabá. Amparado pela transparência, o gestor púbico posteriormente irá se manifestar à população e imprensa. Reitera que está à disposição das autoridades competentes e vai colaborar para o pronto esclarecimento dos fatos” diz a nota.

    Relacionadas

    Governo de Mato Grosso investe mais de R$ 220 milhões no município de Cáceres

    O Governo de Mato Grosso investiu mais de R$ 220 milhões no município de Cáceres desde o início da atual gestão. Os recursos destinados...

    Nas duas sessões que aprovaram IPTU, Marisvaldo mudou o voto e virou personagem

    Nas duas sessões da Câmara de Vereadores de Rondonópolis desta quarta-feira (23), que aprovaram os seis projetos de autoria do Poder Executivo que realinham...

    Wellington celebra Ferronorte e prevê lançamento com presença de ministro

    O senador da República, Wellington Fagundes (PL), confirmou à reportagem avanços na implantação da ferrovia Ferronorte, malha ferroviária que abrange a cidade de Rondonópolis,...

    Conta de luz atrasada poderá ser parcelada em até 12 vezes em SP

    A Enel Distribuição São Paulo, concessionária de energia elétrica, realizará ação de renegociação e parcelamento de dívidas em quatro sábados, a partir do dia...

    Polícia incinera quase 1 tonelada de cocaína em Rondonópolis

    A Polícia Federal (PF) realizou na tarde desta sexta-feira (24) a incineração de quase uma tonelada de cloridrato e pasta base de cocaína, em...

    São Paulo e Palmeiras se reencontram pelo Brasileirão

    Finalistas do Paulistão 2022, São Paulo e Palmeiras encerram a 13ª rodada do Brasileirão nesta segunda-feira (20), às 20h, no estádio do Morumbi. O...

    Operação mira organização criminosa que patrocinou campanha política em MT

    A Polícia Federal de Barra do Garças (MT) deflagrou nesta quinta-feira (23) a operação 'Segundo Caminho', com o intuito de apurar a participação de...

    Preço da saca de soja registra queda em Rondonópolis

    Os preços da soja apresentaram forte queda nas principais praças do país. Com Chicago despencando, os negociadores se afastaram e praticamente não houve negócios. Em...

    Rodrigo da Zaeli fala em “novos horizontes” no PL e ensaia candidatura a federal nesta segunda-feira (20)

    O ex-vereador por Rondonópolis, Rodrigo Lugli, o “da Zaeli”, lança nesta segunda-feira sua pré-candidatura a deputado federal nestas eleições. O evento está marcado para...

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas