Mais
    Agora MT Destaques Rondonópolis terá Escola Militar do Corpo de Bombeiros
    EDUCAÇÃO

    Rondonópolis terá Escola Militar do Corpo de Bombeiros

    A Escola Estadual André Maggi será transformada na E.E. Militar Dom Pedro II

    FONTE
    VIA

    Imagem: Implantacao da escola Dom Pedro II Rondonópolis terá Escola Militar do Corpo de Bombeiros
    Implantação da escola Dom Pedro II – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

    Rondonópolis (MT) agora vai contar com uma escola militar sob a direção do Corpo de Bombeiros Militar. A Escola Estadual André Maggi será transformada na E.E. Militar Dom Pedro II, que é fruto de uma parceria da Diretoria Regional de Educação (DRE) com a Secretaria de Estado de Educação (SEDUC) de Mato Grosso (MT).

    As aulas devem começar no próximo ano letivo, em janeiro de 2022.

    As aulas continuam em período integral com o diferencial da disciplina militar adicionado à rotina diária da escola. Outro diferencial é que a escola será vocacionada para o esporte.

    Imagem: Valdelice cefrapro Rondonópolis terá Escola Militar do Corpo de Bombeiros
    Valdelice Holanda – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

    “A escola continuará em tempo integral, mas agora será um projeto diferenciado. Ela vai ser o mesmo projeto da arena pantanal de Cuiabá, uma escola de tempo integral vocacionada para o esporte. Somos a segunda escola em Mato Grosso com esse perfil, então a gente vai alinhar a política das Escolas Dom Pedro II no Brasil às escolas de tempo integral. Também vamos começar a partir do sétimo ano, atualmente a escola André Maggi é um a escola somente com ensino médio e nós vamos ampliar esse atendimento” esclarece a diretora da DRE, Valdelice de Oliveira Holanda.

    O Colégio Militar Dom Pedro II é primeira escola militar sob a direção do Corpo de Bombeiros Militar em Rondonópolis. A 1ª instituição foi inaugurada em agosto de 2018, em Alta Floresta. A Escola já existe também em Cuiabá. Rondonópolis é a 3ª cidade a aderir a integração.

    O Comandante Regional Bombeiro Militar, Coronel Vanderlei Bonoto, explica que a ideia é melhorar as condições da educação.

    Imagem: Ten Cel Bonoto Rondonópolis terá Escola Militar do Corpo de Bombeiros
    Coronel Bonoto – Foto: Varlei Cordova/AGORAMT

    “A legislação estadual é muito clara. O diretor da escola militar é indicação do Corpo de Bombeiros e cabe ao diretor designar os seus coordenadores pedagógicos entre os professores concursados. Nosso objetivo não é chegar na escola e dizer que tudo está errado. Na verdade vamos aproveitar tudo que funciona muito bem, melhorar essas condições para que a gente consiga desenvolver nosso trabalho dentro da nossa lei de regulamentos que são muito bem definidas” explica o coronel Bonoto.

    A diretora da DRE, Valdelice de Oliveira, ainda esclarece que não haverá seletivo.

    “Nós abraçaremos toda a comunidade no limite de vagas que serão disponibilizadas. Abraçaremos a comunidade em torno. Então as matriculas vão ser feitas igual é atualmente em todas as outras escolas. Estaremos fazendo a divulgação provavelmente na primeira semana de janeiro. As matriculas serão feitas pelo sistema da Seduc. O processo de atribuição já está ocorrendo com os professores efetivos. Para os contratados quando houver a necessidade, haverá um seletivo. O Estado vai fazer um seletivo. Os professores que estão atualmente atribuídos na escola André Maggi serão migrados para a escola Dom Pedro II. Não haverá nenhum prejuízo. Nós só vamos respeitar a vontade dele. Caso ele não queira permanecer, o funcionário ou o professor, ele tem essa liberdade, mas está garantida a permanência de todos os professores e funcionários da unidade escolar” relata Valdelice.

    OUTRA NOVIDADE 

    A diretora da DRE, Valdelice Holanda, divulgou que Rondonópolis também terá um Plano Nacional das Escolas Cívico-Militares (PECIM).

    “Também teremos uma escola PECIM que é uma escola cívico militar. Então nós teremos uma PECIM que será a Escola Estadual Professora Stela Maris. Nós tivemos uma reunião com a comunidade e essa não será uma escola militar, será uma escola cívico militar. É um programa, onde inicialmente são por 12 meses e a tendência é até 3 anos e se a comunidade gostar do projeto, se der certo esse programa pode ser reeditado por mais 3 anos, ou mais. Os nosso parceiros serão os militares do exército. E é um programa diferente dos militares. O diretor continua sendo o mesmo. Nós só teremos monitores de oficiais do exército para poder fazer todo o trabalho. É muito parecido na questão da disciplina. Diferentemente também das militares, as PECIMs têm uma proposta muito forte pedagógica” finaliza Valdelice.

     

     

     

    Relacionadas

    Morre passageira de caminhonete atingida por carreta em trágico acidente na BR-364

    Morreu no hospital a passageira da caminhonete envolvida em um grave acidente registrado na manhã desta quinta-feira (19) na BR-364. Mara Sílvia de Carvalho,...

    Pessoas em situação de rua recebem cobertores e são encaminhadas para albergues

    Uma equipe de Secretaria Municipal de Promoção e Assistência Social percorreu ruas e avenidas da Rondonópolis-MT durante a noite fazendo a busca de pessoas...

    Auxílio Brasil | Caixa paga parcela para Beneficiários NIS final 4

    A Caixa Econômica Federal paga nesta segunda-feira (23) a parcela de maio do Auxílio Brasil aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) de...

    Sefaz apresenta metas fiscais do primeiro quadrimestre de 2022 em audiência pública

    A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) apresenta, nesta quinta-feira (26.05), em audiência pública, as metas fiscais referentes ao primeiro quadrimestre de 2022. O...

    Acusado de agredir esposa gestante e enteada menor de idade é preso

    A Polícia Civil do município de Lucas do Rio Verde (MT), região norte do Estado, prendeu em flagrante um homem por agredir gravemente a...

    “Abertura de novas vagas é uma demanda da sociedade”, defende reitora da UFR

    À reportagem do portal AgoraMT, a reitora da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), Analy Castilho Polizel, fez defesa à abertura de vagas para cursos...

    Podemos apresenta nomes à AL e Câmara em MT

    O Podemos de Mato Grosso realiza nesta quinta-feira (26), em Cuiabá,  encontro da legenda com a presença de lideranças nacionais do partido, vereadores e...

    Jovem de 25 anos é assassinada no sofá da própria casa

    Uma jovem identificada como Andréia Mariano Mariana, de 25 anos, foi assassinada a tiros na própria residência na noite deste domingo (22), no Bairro...

    Flamengo vence por 2 a 1 o Sporting Cristal pela Libertadores

    Já classificado para as oitavas de final da Libertadores, o Flamengo entrou em campo nesta terça-feira (24) e venceu o Sporting Cristal (Peru), por 2 a 1....

    Especiais

    Últimas

    Editoriais

    Siga-nos

    Mais Lidas